Cerveja Blumenau lança Catharina Sour Maracujá

Rótulo é o segundo da cervejaria no estilo criado em Santa Catarina

Na categoria experimental, receita foi premiada no Concurso Brasileiro de Cervejas 2018 (Foto: Divulgação)

Na categoria experimental, receita foi premiada no Concurso Brasileiro de Cervejas 2018 (Foto: Divulgação)

Já com cervejas premiadas entre as melhores do mundo, o Brasil está agora buscando espaço para a regulamentação do primeiro estilo nacional da bebida. A Catharina Sour, inspirada na Berliner Weisse com adição de frutas e especiarias, está ganhando adeptos. A Cerveja Blumenau foi uma das primeiras a lançarem um rótulo do estilo com pêssego e agora traz para a linha uma nova versão com maracujá.

Apesar de não ainda reconhecido pelos Guias Internacionais de estilos de Cervejas, este ano o estilo Catharina Sour foi incluído no Concurso Brasileiro de Cervejas. E o resultado já surpreendeu: foi o oitavo com maior número de cervejas inscritas, com 58 rótulos.

A Catharina Sour Maracujá chega ao mercado nos próximos dias em garrafas de 500ml, com 4% de teor alcoólico e 2 IBUs (unidade de amargor). Também já nasce premiada: levou a medalha de prata no Concurso Brasileiro da Cerveja em 2017 como experimental.

Valmir Zanetti, diretor da Cerveja Blumenau, diz que a aposta no estilo está alinhada com dois valores da marca: a qualidade e a valorização dos rótulos nacionais:

“Fazer parte desse movimento, que coloca o Brasil numa posição de destaque entre os cervejeiros, é motivo de orgulho. A Catharina Sour Maracujá é um rótulo leve, com alto drinkability e, ao mesmo tempo, com sabor marcante.”