A tap list da Noi no Mondial

No festival do Rio, a cervejaria lança o selo Noi Lab e apresenta a premiada Selvaggio

São 15 opções no estande da Noi no Mondial de La Bière Rio 2019 (Fotos: Alexander Landau/Divulgação)

São 15 opções no estande da Noi no Mondial de La Bière Rio 2019 (Fotos: Alexander Landau/Divulgação)

Presente em cinco de seis edições do Mondial de la Bière, a cervejaria Noi apresentará as três primeiras cervejas do Noi Lab ao público no festival carioca, que se realiza de 4 a 8 de setembro. O selo traz cervejas elaboradas pelo mestre cervejeiro Guilherme Zanin, no laboratório de testes da fábrica da Noi, em Itaipu, Niterói.

Com uma pegada menos clássica e mais inventiva, as produções são de até 250 litros. Serão três rótulos exclusivos para o Mondial: WTF - What the fuck (Dry Stout), A Noi que o cupuaçu abunda (Catharina Sour) e Noi Asolo (Brut Ipa), além do pré-lançamento da Nuova Terra, a NE da Noi que chegará em breve ao mercado em lata de 473ml.

Também estarão disponíveis outros 15 rótulos, entre eles a Selvaggio, uma Wild Ale de fermentação espontânea em barrica de Vinho do Porto com cereja e potentes 12,8% de teor alcoólico. Recém-lançada em São Paulo, a cerveja estreia no Rio com produção limitada em 600 litros, em garrafas de 330 ml. A Selvaggio ficou com a prata na categoria nacional do World Beer Awards 2019, no estilo “Flavoured Wild/Sour”.

Bárbara Buzin, diretora da Cervejaria Noi, fala sobre a importância de estar no Mondial de la Bière:

“Nós temos uma longa relação com o festival, marcamos presença desde a primeira edição e em 2017 fomos a grande vencedora do MBeer Brazil Contest com a platina para a Passione e o ouro para a Bárbara e Cioccolato Barile. Este ano estamos de volta com muita novidade e cerveja boa. As cervejas do selo Noi Lab, por exemplo, permitem algumas brincadeiras que não cabem na nossa linha tradicional. Nossa Catharina Sour leva muito Cupuaçu, fruta abundante na cidade Vilhena, em Rondônia, terra do nosso mestre cervejeiro e foi batizada em homenagem a isso como A Noi que o cupuaçu abunda.”

A Tap List

Confira as cervejas da Noi nas torneiras do estande no Mondial de La Bière Rio 2019 e os preços divulgados pela cervejaria:

A Noi que o cupuaçu abunda – Catharina Sour: R$6 (100ml) e R$10 (200ml)

Amara – Imperial IPA: R$8 (100ml) e R$12 (200ml)

Asolo – Brut IPA: R$6 (100ml) e R$10 (200ml)

Avena – Belgian Pale Ale: R$6 (100ml) e R$10 (200ml)

Bárbara – American Barley Wine: R$10(100ml) e R$16 (200ml)

Bianca – Weiss: R$6 (100ml) e R$10 (200ml)

Bionda – Pilsen: R$4 (100ml) e R$6 (200ml)

Bionda Hop – Hop Lager: R$5 (100ml) e R$7 (200ml)

Cioccolato – Imperial Stout: R$10(100ml) e R$16 (200ml)

Diavolo – Specialty Honey Beer: R$17(100ml) e R$28 (200ml)

Fiorella – American IPA: R$8 (100ml) e R$12 (200ml)

Low Carb – American Light Lager: R$5 (100ml) e R$7 (200ml)

Nera – Schwarzbier: R$4 (100ml) e R$6 (200ml)

Nuova Terra – New England IPA: R$8 (100ml) e R$12 (200ml)

Passione – Flanders Oud Bruin: R$19(100ml) e R$32 (200ml)

Rossa – Irish Red Ale: R$6 (100ml) e R$10 (200ml)

Selvaggio – Wild Ale: R$19(100ml) e R$32 (200ml)

Sicilia – Witbier: R$6 (100ml) e R$10 (200ml)

WTF - What the fuck – Dry Stout: R$6 (100ml) e R$10 (200ml)