Cervejaria Verace abre tap room no Rio

Cervejaria mineira é parceira em empreendimento aberto no polo cervejeiro de Botafogo

Marca mineira agora tem um endereço carioca (Foto: Bruno De Lima/Divulgação)

Marca mineira agora tem um endereço carioca (Foto: Bruno De Lima/Divulgação)

A Cervejaria Verace, uma das mais premiadas marcas de Minas Gerais surgidas nos últimos anos, agora tem a sua casa no Rio de Janeiro. A ideia de levar a marca para terras fluminenses surgiu após anos de pesquisa e estudos das cariocas Marcela Freitas e Monique Aquino, que procuraram a cervejaria para abrir um ponto após o Boom das artesanais em terras cariocas.

Essa parceria tem um significado especial para o Rio de Janeiro, cidade pujante no turismo, especialmente para Botafogo, um bairro boêmio que se tornou também um pólo cervejeiro. O bairro onde a nova casa foi instalada está se transformando. A rua, em Botafogo, tinha vários estabelecimentos automotivos e oficinas mecânicas há cerca de três anos. Hoje, já há boas casas que criam um ambiente em louvor aos bons bares. Para a Verace, é importante marcar presença de maneira consistente num mercado tão importante como o fluminense.

A demanda partiu das empresárias do Rio de Janeiro, que procuraram Marcelo Paixão, um dos sócios da Verace, e o interesse foi recíproco. Após negociação e boas conversas, a cervejaria abraçou a ideia viabilizando preços e logística competitivos para que o novo local tivesse todas as cervejas da marca mineira no Rio.E esse amplo portfólio de estilos, junto com uma qualidade amplamente reconhecida no mercado, cervejas medalhistas, e também o conceito da marca foram fatores que chamaram a atenção dos investidores para a escolha da Verace. O objetivo é, cada vez mais, movimentar o mercado de cervejas artesanais, mostrando como podemos nos unir e trazer a qualidade e a diversidade das cervejas e estilos.

O espaço da Verace Rio é rústico, moderno e acolhedor com toque feminino, tudo criação dos sócios do Rio, que não abriram mão de criarem todoo ambiente. Conforme os empreeendedores, foram investidos R$ 300 mil. São 50 lugares. O tepping é exclusivo, com torneiras dedicadas aos chopes da Verace, mas pode haver uma ou outra convidada futuramente. Haverá em breve a implantação de programação musical semanal regular com noites dedicadas ao Jazz.