Valorizar o homebrew é valorizar o mercado cervejeiro

Confira dicas de Bento Ferreira, que se especializou em desenvolver design para o mercado de artesanais no Brasil

Rótulo desenvolvido pela Agência Alvo, de Bento Ferreira (Foto: Divulgação)

Rótulo desenvolvido pela Agência Alvo, de Bento Ferreira (Foto: Divulgação)

Cada vez mais brasileiros se interessam em produzir sua própria cerveja, e isso está mudando o mercado. Já existem diversos cursos de aperfeiçoamento, concursos extremamente bem organizados e com juízes qualificados. Isso é muito importante para o amadurecimento do nosso mercado de cerveja artesanal.

Grande parte das novas cervejarias artesanais no Brasil é de pessoas que começaram cozinhando a sua bebida em panelas caseiras. Mesmo depois do “Homebrewer” virar cigano e ter a sua própria cervejaria, ele continua testando suas receitas nas panelas de casa, podendo assim experimentar suas criações antes de levá-las às fábricas.

Ainda que no começo seja apenas um hobby, todo cervejeiro caseiro em algum momento, já pensou em um nome para sua criação e imaginou um rótulo para ela.

Seja para presentear os amigos, para consumo próprio, para deixar na estante ou iniciar a comercialização, o rótulo é a identidade da sua cerveja, é o primeiro contato com sua criação.

Não é porque você é um cervejeiro caseiro que a apresentação de suas garrafas será amadora ou que terá um rótulo criado pelo sobrinho que “mexe com computador”.

Afinal, todo Homebrewer busca produzir cervejas de qualidade e essa qualidade deve ser transmitida também pelo design de um rótulo. Faça um comparativo entre 2 imagens, uma com um rótulo muito bagaceiro, o mais chinelo que tu encontrar. E o outro um rótulo teu bem foda. Daí logo abaixo coloque assim:

Qual destas duas cervejas você compraria sem pestanejar?

95% das pessoas escolhem a segunda opção, porque ela passa mais credibilidade e qualidade.

Por isso, para criar um rótulo que tenha essas características que vão definir o sucesso da sua cerveja, nada mais certo do que procurar uma empresa que já possua experiência e reconhecimento na criação de rótulos, além de estar ativamente envolvida com o mercado cervejeiro nacional.

Hoje a Alvo Comunicação participa das principais feiras de cervejas do Brasil para estar sempre por dentro das tendências no mercado. Somos uma empresa sócia da Abracerva, e apoiamos diversos concursos das Acervas e festivais Caseiros pelo Brasil.

Recentemente fechamos uma parceria com a “Rotulândia” em Portugal, para atendermos ao mercado luso, em franco crescimento. Tudo isso graças à qualificação de todos os profissionais que a Alvo possui, como sommeliers, publicitários e designers.

A dica é a seguinte: mesmo que você seja caseiro, é interessante já começar a pensar na criação do seu rótulo dentro das especificações do MAPA, Anvisa e Inmetro, pois isso também ajudará a passar mais credibilidade ao seu público, indicando seriedade e respeito aos consumidores, Além disso, se houver a oportunidade de uma produção em larga escala, seu rótulo já estará pronto e devidamente reconhecido.

Por que nossos profissionais são do mercado de cerveja?

Simples. Isso facilita a comunicação, pois conhecendo os estilos da cerveja, o guia BJCP e BA, conseguimos falar a mesma língua, sem ruído de comunicação e sem a chatice de ficar perguntando o que é ABV, EBC, IBU etc.

Nossos profissionais estão capacitados em fazer a descrição de harmonização, pois contamos com uma equipe de Sommeliers. Inicialmente pode ser um hobby, sempre começa assim, mas com o passar do tempo também pode se tornar algo profissional, vemos isso o tempo todo, o mercado hoje é cheio de opções de boas cervejas feitas por microcervejarias, e grande parte veio da panela. Quem sabe a próxima pode ser a sua?