A cerveja da Avós com os "reis das Lagers" americanas

Good Morning Granny é a 'Breakfast India Pale Lager' colaborativa com a Jack’s Abby

 A Good Morning Granny ("Bom dia, Vovó") é feita com tapioca, café e lactose (Foto: Divulgação)

A Good Morning Granny ("Bom dia, Vovó") é feita com tapioca, café e lactose (Foto: Divulgação)

Produzida em 2017 em uma road trip da Cerveja Avós nos Estados Unidos, a Good Morning Granny, uma colaborativa com a Jack’s Abby Craft Lagers, chegou ao mercado brasileiro em maio. Instalada em Framingham, perto de Boston (Massachusetts), a Jack’s Abby só produz Lagers. A colaborativa (na tradução, "Bom dia, Vovó") é uma "Breakfast India Pale Lager" feita com tapioca, café e lactose.

O lançamento ocorreu em 19 de maio, no Mondial de la Bière São Paulo, e no dia seguinte no Empório Alto dos Pinheiros (EAP), na capital paulista. A Good Morning Granny teve seu primeiro lote comercial feito nos EUA e a partir de agora circula por bares e empórios de São Paulo, na versão chope ou em latas de 473ml.

É uma cerveja com visual amarelo claro, levemente turvo e espuma cremosa. Tem corpo médio e amargor sutil acentuado pelo sabor do café. O teor alcoólico da colaborativa atinge 5%.

A nova cerveja foi desenhada e executada pelas mãos de Junior Bottura e Fabio Geribello (Avós) e Jack Hendler (mestre-cervejeiro da marca americana). As cervejarias apostaram na receita com adição de ingredientes com ligação com o Brasil até porque a Jack’s Abby tem sua fábrica em uma região com alta concentração de imigrantes brasileiros.

A Cerveja Avós constrói seu nome no mercado com receitas executadas com leveduras Lager. Obteve prêmios em concursos cervejeiros de respeito: sua Hoppy Lager, Vó Maria e o Seu Lado Zen, foi eleita a melhor American Pilsen do Brasil, em Blumenau, depois recebeu medalhas com suas cervejas de linha na South Beer Cup, além do World Beer Awards, concurso britânico que elegeu a India Pale Ale batizada de Vó Maria, a Baixinha Porreta como a melhor na categoria das brasileiras.

A marca contabilizou, em 2017, um par de rótulos fixos novos com a chegada de duas bisavós que se juntaram à família: Vó Ana, A Matrona, uma Hoppy Wheat Lager e a Vó Joaquina, A Imortal uma parruda Double India Pale Lager. Além dessas novidades, a Avós conta com bem-sucedidas parcerias como a colaborativa com mineira ZalaZ, com quem elaborou a Vó ZaZa, uma IPL que recebeu café orgânico cultivado na fazenda da própria cervejaria.

Fruto da nova fase comercial anunciada com a Cervejaria Dádiva, que absorveu a produção e a distribuição da cerveja Avós, a marca lançou uma Triple Bock, uma potente sazonal desenvolvida a seis mãos, em conjunto com a Dádiva e a Mafiosa Cervejaria. A Avós também lançou a Véia Lática, uma Sour Ale com adição de amora e mirtilo, elaborada em parceria com a Synergy.

 Jack’s Abby tem sua fábrica em uma região com alta concentração de imigrantes brasileiros (Foto: Divulgação)

Jack’s Abby tem sua fábrica em uma região com alta concentração de imigrantes brasileiros (Foto: Divulgação)