10º Eisenbahn Mestre Cervejeiro anuncia vencedores

Cláudio Botelho e Cris Botarelli vencem a terceira temporada do concurso em formato Reality

Claudio Botelho (foto à esquerda) e Juliano Mendes com Cris Botarelli (Fotos: Endemol Shine Brasil/Divulgação)

Claudio Botelho (foto à esquerda) e Juliano Mendes com Cris Botarelli (Fotos: Endemol Shine Brasil/Divulgação)

A final da 10ª edição do "reality mais cervejeiro do Brasil" chegou ao fim de maneira emocionante. Na disputa para ver quem produziria a melhor receita de Session IPA - estilo de cerveja tema desta edição, os cervejeiros Claudio Botelho (MG) e Vítor Moreira Lima (CE) arriscaram tudo na hora das disputas para ver quem sairia com a vitória e teria a cerveja assinada e lançada por Eisenbahn.

No segundo duelo, os aprendizes cervejeiros - influenciadores digitais que não tinham ligação com cervejas especiais e entraram como novidade nesta edição, tiveram que mostrar que aprender tudo sobre este universo ao responderem perguntas relacionadas aos diferentes estilos da bebida.

Na primeira prova da final, a aprendiz cervejeira e musicista de Natal (RN) Cris Botarelli enfrentou a criadora de conteúdo de São Bernardo do Campo (SP) Isabella Trad, também conhecida como Bells Trad, para ver quem conseguiria colocar mais copos contendo diferentes estilos de cervejas não identificados; em frente às long necks com os rótulos correspondentes. Botarelli surpreendeu e acertou todos os estilos, enquanto Bells Trad obteve apenas três acertos

Logo depois, foi a vez dos cervejeiros escolherem os ingredientes para produzirem suas receitas de Session IPA.

Para participar da 10ª edição do reality Eisenbahn Mestre Cervejeiro 10, formato criado e produzido pela Endemol Shine Brasil, cervejeiros caseiros de todo país enviaram suas amostras de Session IPA para serem avaliadas por um time de jurados, composto por sommeliers, micro cervejeiros e especialistas em cerveja. Destas, somente as dez melhores receitas foram selecionadas, entre elas a de Botelho e Lima.

Esta foi a temporada com maior número de inscrições, considerado um recorde na história do programa.

Com a prova finalizada, o estúdio recebeu visitas inesperadas. Desta vez, três mestres cervejeiros ganhadores de edições anteriores entraram em cena, para surpresa de todos, dizendo que também provariam as receitas para ajudarem os jurados a escolherem a Session IPA vencedora.

Depois de muita ansiedade e clima de decisão indefinida, os jurados, composto pelo consultor e fundador Eisenbahn, Juliano Mendes, pela sommelier e consultora etílica Bia Amorim, e pelo baterista e especialista em cerveja, Sady Homrich anunciaram a receita vencedora. Além da receita lançada pela Eisenbahn e a viagem para a Alemanha, os campeões ganharam ainda um curso do Instituto da Cerveja Brasil (ICB), um dos parceiros do projeto e do Grupo Heineken Brasil.

Para a gerente de marketing da Eisenbahn, Karina Pugliesi, essa temporada do reality teve uma importância ainda maior para a universo das cervejas especiais:

"A entrada dos influenciadores digitais no programa democratizou o entendimento de cerveja. Ver a própria receita ganhando forma, encoraja as pessoas a quererem fazer parte deste universo. Mas já aviso que é um caminho sem volta."

Na edição anterior, Anne Costa, de Teresina/PI, foi quem produziu a melhor cerveja Berliner Weisse (tema da 2ª temporada) e conquistou o sonho de todo cervejeiro de ver sua cerveja lançada pela Eisenbahn, que está sendo distribuída na região sul do país.