Cerveja

Invicta muda marca e lança novos rótulos

Entre as novidades a caminho de Blumenau, a Transatlântica Brett, uma sour com cajá

Toda a linha da cervejaria de Ribeirão Preto é redesenhada e ganha a colaborativa Transatlântica Brett (Foto: Divulgação)

Toda a linha da cervejaria de Ribeirão Preto é redesenhada e ganha a colaborativa Transatlântica Brett (Foto: Divulgação)

Para o Festival Brasileiro da Cerveja, de 11 a 14 de março, em Blumenau (SC), a Cervejaria Invicta, de Ribeirão Preto (SP), leva um pacote de novidades: uma nova marca, a reformulação de todos os rótulos e o lançamento da Transatlântica Brett. A nova cerveja é uma Sour, com cajá. Confira abaixo detalhes de cada novidade.

A cerveja

A Transatlântica Brett é uma colaborativa entre o mestre-cervejeiro e proprietário da Invicta, Rodrigo Silveira, o alemão Sebastian Mergel, da Bierfabrik, e o belga Sébastien Morvan, da Brussels Beer Project, presidente e membro da Associação Global dos Cervejeiros Artesanais (Global Association of Craft Beer Brewers), da qual faz parte o brasileiro. (para ler matéria à época da brassagem, clique aqui)

A marca

O punho da Imperial IPA 1000IBU se confirma como a marca registrada da Invicta (Foto: Divulgação)

O punho da Imperial IPA 1000IBU se confirma como a marca registrada da Invicta (Foto: Divulgação)

O redesenho da marca ocorre quando a Invicta está prestes a completar quatro anos. “Desde o nosso nascimento a cervejaria cresceu muito, e as nossas receitas sempre carregadas de força e personalidade pediam uma nova marca, mais moderna, mais forte, que mostrasse melhor qual a filosofia por trás do nosso trabalho”, explica Rodrigo Silveira.

A semente para as mudanças foi o lançamento, em 2013, da Imperial IPA 1000IBU, eleita pelo Ratebeer como a melhor cerveja brasileira em 2014. O soco estampado no rótulo foi um sucesso. Foi criado pela ilustradora Yumi Shimada e pelo designer Bruno Couto, que com os designers Edu Marques e Vanessa Carpanezi desenharam a nova logomarca.

“Queríamos trazer para a marca algo que representasse a personalidade da cervejaria", comenta Bruno Couto. "Depois de quebrar a cabeça, surgiu a ideia mais óbvia e acertada: o soco seria o novo ícone da marca.”

Os rótulos

Com o novo logo, surgiu a necessidade de redesenhar os rótulos da cervejaria. Depois da 1000IBU, foram lançadas a Damiana (Bavarian IPA), a Six O’Clock (American IPA), a Oberkorn (Oktoberfest) e a 108 (Imperial Stout), todas com o mesmo caminho gráfico. “Com reformulações em algumas receitas, demos nomes e caras novas também para as nossas primeiras cervejas”, explica Rodrigo. Assim nasceram a Black Cat (India Black Ale), a Boss (Imperial IPA), a Hellbeirão Pils (German Pilsener) e a Iniciação (Weizen Bier).