Competições, Festivais

Brasil superou o anfitrião da Copa Cervezas de América

Mais premiadas da competição, as brasileiras somaram 30 medalhas, 3 a mais do que o Chile

O Brasil conquistou 6 ouros, 6 pratas e 18 bronzes na competição (Foto: Divulgação)

O Brasil conquistou 6 ouros, 6 pratas e 18 bronzes na competição (Foto: Divulgação)

Destaque como o país da melhor cerveja da Copa Cervezas de América (a Saison Caju, da Tupiniquim, de Porto Alegre/RS), o Brasil ficou em primeiro lugar no ranking das medalhas na competição. No total, foram 30 medalhas (6 ouros, 6 pratas, 18 bronzes), 3 a mais do que o anfitrião, Chile, e 24 a mais do que Estados Unidos (melhor cervejaria, com a Coronado Brewing Company). Além disso,das melhores cervejas de cada uma das 15 categorias da competição, 5 eram brasileiras.

No ranking das medalhas, o México ficou em terceiro lugar com 12, seguido da Bélgica com 4, do Peru e da Argentina com 3. Panamá, Paraguai e Venezuela ficaram com 2, Colômbia e Costa Rica levaram para casa apenas uma medalha.

O Brasil também foi o país estrangeiro que mais inscreveu rótulos nesta edição, com 118 unidades. Ficou atrás apenas do anfitrião do evento, Chile. Juan Pablo Avendaño, um dos organizadores da Copa, acredita que a estrutura oferecida nesta edição para o envio das amostras facilitou a participação de mais cervejarias brasileiras. "Tanto a recepção das amostra quanto o envio de todas juntas ajudou a garantir um custo menor e que elas chegassem em perfeito estado. As cervejas brasileiras foram as grandes vencedoras em participação e em quantidade de medalhas recebidas", afirma.

Confira as premiadas brasileiras (clique no nome da cerveja para ver a ficha de cada uma):

Melhor Belgian and French Ale: Saison de Caju (Tupiniquim)

Melhor German Wheat and Rye Beer: Therezópolis Elfeinbein (St. Gallen)

Melhor Light Lager: Therezópolis Gold (St. Gallen)

Melhor Pilsener: Invicta German Pilsener (Invicta)

Melhor Smoke Flavored and Wood Aged Beer: Bamberg Rauchbier (Bamberg)

OURO

Saison de Caju (Tupiniquim)

Bamberg Rauchbier

Invicta + 2 Cabeças Saison à Trois

Lucky Jack (Babel)

Therezópolis Gold (ST Gallen)

Therezópolis Elfeinbein (ST Gallen)

PRATA

Bierland Pale Ale – Unidos pela Cerveja

Búzios Manguinhos

Cuesta Belgian Witbier

Dama ESB

Karavelle Pilsen Premium

Providência Pilsen Premium

BRONZE

Bambergerator

Bierbaum Dunkel

Bierbaum Vienna

Bierbaum Weizenbock

Bierbaum Weizen Rauchbier

Bierland Bock

Bierland Oceânica

Bierland Pilsen

Bierland Imperial Stout

Colorado Berthô

Invicta Imperial Stout

Invicta 1000IBU

Itajahy Pale Ale

Karavelle Weiss

Providência Dunkel

Sepultura Weizen

Therezópolis Ebenholz (ST Gallen)

Tupiniquim Monjolo

Veja como ficou o ranking das cervejas premiadas