A escolha do tipo de adesivo para o rótulo de cerveja

Três exemplos de utilização de Polipropileno Biorientado no rótulo das cervejas (confeccionado pela River Print), que compõe um filme plástico de alta resistência (Fotos: Divulgação)

Três exemplos de utilização de Polipropileno Biorientado no rótulo das cervejas (confeccionado pela River Print), que compõe um filme plástico de alta resistência (Fotos: Divulgação)

Mesmo mais caro do que o papel, o BOPP tende a compensar pela redução de horas de trabalho e pela reutilização de garrafas

Não adianta termos um rótulo criativo, moderno e impresso em uma impressora de última geração se não prezarmos pela qualidade do adesivo. (Sobre como fazer um rótulo, leia aqui)

No rótulo da cerveja, o impacto visual causado por um impresso está diretamente relacionado ao adesivo utilizado em sua produção. A indústria papeleira fornece ao mercado inúmeros tipos e qualidades de adesivos em formatos diversos.

Atualmente, para imprimir nossos rótulos, utilizamos papéis e filmes de polipropileno.

Os papéis são geralmente mais baratos, de qualidade e durabilidade baixa, mesmo tendo uma qualidade de impressão superior. São indicados para grandes produções, nas quais a garrafa terá uma vida útil curta (do momento da rotulagem ao descarte). Não são recomendados para produtores que reutilizam as garrafas, uma vez que sua remoção é extremamente difícil, deixando inúmeros resíduos.

O BOPP é a sigla para "bi-axially oriented polypropylene", que em português se refere ao Polipropileno Biorientado, material que compõe um filme plástico de alta resistência muito usado na fabricação de embalagens flexíveis.

Normalmente são mais caros, e este valor é superado na hora da aplicação (ganha-se em hora de trabalho) pois o material é muito mais fácil de ser manuseado. Além disso, sua remoção é bastante simples, não exigindo nenhum tipo de material além dos usados normalmente no processo de lavagem e esterilização da garrafa.

Sua maior vantagem está na quantidade de opções disponíveis que ele existe, tais como branco, metalizado e transparente.

Existem hoje filmes BOPP “permanentes”, que suportam quimicamente todo o processo de lavagem e chegam a durar algo em torno de 30 reutilizações da mesma garrafa. Certamente sua garrafa acabará antes disso. Mesmo sendo mais caro, compensa o investimento, uma vez que o cervejeiro ganha duas etapas no processo produtivo. Ele ganha tempo na rotulagem e posteriormente na lavagem da garrafa.

Por isso, antes de imprimir, pense muito bem qual o tipo de adesivo mais adequando para a sua necessidade. Até a próxima. Cheers!

OS POSTS + RECENTES