As criativas cervejas da Way premiadas em Blumenau

Colaborativas com americanos, com ingredientes inusitados como melancia, conquistam ouro

Para acentuar a refrescância da cerveja, foram utilizadas três toneladas de melancia de verdade na Watermelon Ale (Foto: Priscilla Fiedler/Divulgação)

Para acentuar a refrescância da cerveja, foram utilizadas três toneladas de melancia de verdade na Watermelon Ale (Foto: Priscilla Fiedler/Divulgação)

Um dos destaques do Concurso Brasileiro de Cervejas 2017, a Way Beer conquistou medalhas com receitas criativas e em colaboração de cervejeiros americanos. Para a produção da Watermelon Ale, premiada com ouro na categoria “American Fruit Beer”, foram utilizadas três toneladas de melancia de verdade, que acentuou a refrescância da cerveja. A receita da Farmhouse Ale, ouro na categoria "Specialty Saison", foi desenvolvida com a polpa do butiá, fruta tradicional no Sul do Brasil, região onde fica a cervejaria, com fábrica em Pinhais (PR).

A Watermelon Ale, disponível em latas de 473 mL, foi desenvolvida em parceria com a cervejaria norte-americana Jester King. É avermelhada, devido à melancia e ao hibisco, e tem 4,7% de álcool e IBU de 16,2.

Alejandro Winocur, sócio proprietário da cervejaria paranaense, destaca:

“É muito legal receber um prêmio tão importante quanto esse, em um concurso que reúne milhares de cervejas de todas as partes do Brasil. Nos últimos anos, procuramos lançar cervejas inovadoras, com a cara do Brasil, e a adição de frutas em nossas bebidas tem feito muito sucesso. Com a Watermelon Ale trabalhamos com a melancia, uma iguaria consumida em todos os cantos do Brasil, que resultou em uma cerveja muito interessante, saborosa e refrescante.”

A caricatura do cervejeiro americano aparece na garrafa entre os proprietários da Way (Foto: Divulgação)

A caricatura do cervejeiro americano aparece na garrafa entre os proprietários da Way (Foto: Divulgação)

A outra medalha de ouro da Way Beer, a Farmhouse Ale foi produzida em parceria com a cervejaria norte-americana Stillwater Artisanal, do cervejeiro cigano Brian Strumke. A bebida segue o estilo Farmhouse e apresenta 7,2% de teor alcoólico. Para completar o processo de produção, que durou quase um ano, passou por uma segunda fermentação, na garrafa, que atenuou a percepção do açúcar e aflorou o aroma.

Alessandro Oliveira, mestre-cervejeiro e sócio proprietário da Way Beer, comenta:

“O Brian é um cervejeiro respeitado em todo o mundo e que viaja pelo planeta produzindo rótulos de qualidade e compartilhando suas experiências. O resultado desse trabalho em conjunto foi extremamente gratificante e segue a linha de inovação proposta pela Way Beer. E agora, com muito orgulho recebemos esse prêmio por ela.”

Outras duas cervejas da cervejaria paranaense foram premiadas com medalhas no 5º Concurso Brasileiro de Cervejas: a JabutiGose, prata na categoria Contemporary Gose, e a Gose, bronze na categoria Contemporary Gose.

Alejandro Winocur na cerimônia de premiação, em Blumenau (Foto: Divulgação)

Alejandro Winocur na cerimônia de premiação, em Blumenau (Foto: Divulgação)