Cerveja Heusch inicia obras de fábrica própria em SP

Marca, com produção cigana em Minas Gerais, escolhe Atibaia em SP como casa

 Heusch é o acrônimo de "Herz Und Schwert", o lema da marca, que em português significa "coração e espada" (Foto: Divulgação)

Heusch é o acrônimo de "Herz Und Schwert", o lema da marca, que em português significa "coração e espada" (Foto: Divulgação)

 Munich Helles e IPA, os primeiros estilos (Foto: Divulgação)

Munich Helles e IPA, os primeiros estilos (Foto: Divulgação)

O nome traduz o respeito pela escola alemã. Heusch é o acrônimo de "Herz Und Schwert", o lema da marca, que em português significa "coração e espada". A Heusch (pronuncia-se "Róiche") é a realização de três empreendedores apaixonados pelas "Prämie Bier" germânicas. Não por acaso um dos primeiros estilos da cerveja, nascida em setembro de 2017, é o Munich Helles. Com poucos meses de vida, a empresa já está montando a sua fábrica própria em Atibaia (SP), uma obra que marca 2018 como um ano de expansão da sociedade.

A iniciativa é dos sócios Romulo Tinoco, Rosemil Gracioli e Odair Lima, amigos e parentes que depois da fase de cervejeiros caseiros montaram um e-commerce, o All Beer Brasil, e como segundo passo criaram a marca de cerveja própria, que será fortalecida pelo próprio e-commerce. É o meio para quem mora fora de São Paulo e deseja comprar as cervejas Heusch, adquirir os produtos, pois a loja virtual entrega para todo o Brasil. Para quem está em São Paulo, as cervejas Heusch podem ser encontradas em empórios espalhados pelo estado.

Os sócios programam a inauguração da fábrica para junho. Assim, com menos de um ano de atividade, a Heusch deixará de ser uma cerveja cigana. Por enquanto, a produção segue em Minas Gerais. Tinoco aponta três motivações por trás do projeto da fábrica própria: aumentar a capacidade de produção para atender ao mercado potencial, elevar com inovação o controle do padrão de qualidade (e atendimento ao consumidor) e fomentar o mercado cervejeiro na região bragantina, com sua natural vocação turística. A área, que abrange cidades como Atibaia, Bragança Paulista, Jundiaí e Mairiporã, atrai apaixonados pelo turismo "verde", e a Heusch está montando projetos e parcerias para alcançar especificamente este público.

A cozinha própria permitirá à Heusch ampliar a variedade de estilos de cervejas - hoje, além da Helles, oferece também uma IPA. Inicialmente, a nova fábrica abastecerá mais a região bragantina, mas já está no horizonte da cervejaria aumentar gradativamente sua produção, para responder à demanda da capital paulista, da qual a cidade de Atibaia se distancia aproximadamente 66 km. Com a planta da Heusch, Atibaia vai caminhando para se consolidar como futuro polo cervejeiro, haja visto outras cervejarias já estarem instaladas na mesma cidade.