Congresso

Congresso Nacional Cervejeiro tem palestras online gratuitas

Evento idealizado pelo chef e sommelier Ronaldo Rossi reúne mais de 30 especialistas

O evento vai de 21 a 26 de novembro, e as inscrições estão abertas no site do BeerCON (Foto: Divulgação)

O evento vai de 21 a 26 de novembro, e as inscrições estão abertas no site do BeerCON (Foto: Divulgação)

Durante seis dias, o Congresso Nacional Cervejeiro (BeerCON) terá mais de três dezenas de palestras online gratuitas sobre diferentes focos do segmento. Idealizado pelo chef e especialista em cervejas Ronaldo Rossi, o evento vai de 21 a 26 de novembro, e as inscrições estão abertas no site do BeerCON. Um dos temas é a novidade da entrada das microcervejarias no Supersimples. Para saber mais detalhes sobre a palestra, confira abaixo (para conferir o quadro com todos os mais de 30 palestrantes, clique aqui). Para conferir outros eventos, consulte a agenda da Beer Art, aqui.

Sobre o regime de tributação diferenciada, falará o especialista em tributação cervejeira Luís Gustavo Oliveira. O palestrante combina a experiência sobre o cenário de impostos e a paixão pela fabricação de cerveja artesanal, como sócio da Microcervejaria Mestre das Poções, no interior paulista.

Amantes de cerveja, empresários, futuros empreendedores do ramo e simpatizantes do assunto poderão acompanhar a apresentação online do especialista, que irá explicar como enquadrar a empresa no Simples e quais os benefícios da nova lei. O tema ganhou muita relevância nos últimos dias, com a entrada das microcervejarias no sistema que reúne todos os impostos em uma só alíquota, simplificada, para micro e pequenas empresas. O incentivo tributário deve facilitar a regularização de novos negócios e dar um impulso extra para o mercado das cervejas artesanais, em ascensão.

Ronaldo Rossi, o idealizador do BeerCON (Foto: Divulgação)

Ronaldo Rossi, o idealizador do BeerCON (Foto: Divulgação)

O contador irá atualizar os interessados sobre o que muda com essa liberação do "Simples", entre os benefícios, o que mais se destaca, é a possibilidade de pequenos empreendedores conseguirem tocar seu negócio sem estar na informalidade, o que ocorria devido às altas taxas tributárias. A estimativa é de que com o Simples haverá uma redução de 32% de carga tributária para o setor. Além disso, deve haver mais geração de empregos, queda nos preços das bebidas artesanais para os clientes e uma maior valorização dos produtos locais.

Contador e cervejeiro tira dúvidas sobre o Simples (Foto: Divulgação)

Contador e cervejeiro tira dúvidas sobre o Simples (Foto: Divulgação)


Serviço