O verão das session beers

Luís Celso Jr

Blumenau

Com a Session Citra, a Wäls apresenta um dos exemplos das cervejas de teor alcoólico reduzido que pipocaram entre as cervejarias artesanais neste verão (Fotos: Luís Celso Jr.)

Com a Session Citra, a Wäls apresenta um dos exemplos das cervejas de teor alcoólico reduzido que pipocaram entre as cervejarias artesanais neste verão (Fotos: Luís Celso Jr.)

As Session Beers, cervejas de estilos diversificados com teor alcoólico reduzido, estão pipocando entre as cervejarias artesanais neste verão. Após o lançamento de alguns rótulos no Mondial de La Bière em novembro no Rio de Janeiro, como Bodebrown Verum Session Pale Ale e 2Cabeças Funk IPA, as cervejarias artesanais apresentam mais algumas no Festival Brasileiro da Cerveja, em Blumenau.

É o caso da mineira Wäls, com sua Session Citra, uma Session IPA single hop, feita com apenas esse tipo de lúpulo americano. Outro lançamento deliciosamente refrescante é a Session IPA da paranaense F#%*ing Beer. Há até Session Stout, cerveja escura de maltes torrados. É o caso da Limbo, da Seasons, do Rio Grande do Sul.

Mais refrescantes e suaves do que os estilos base, muitas vezes também em corpo e amargor, as Session Beers se tornam bebidas muito agradáveis para dias quentes e podem ser bebidas em períodos mais longos e em maior volume sem haver intoxicação pelo álcool. Aliás, é daí que vem o nome dessa categoria de cervejas. Session significa sessão em inglês.