A grade de cursos do Science of Beer em 2017

Instituto oferece cursos de curta duração, aprofundamento e viagem cervejeira

Confira na imagem a programação para o primeiro semestre (Foto: Divulgação)

Confira na imagem a programação para o primeiro semestre (Foto: Divulgação)

Os cursos do Science of Beer chegam a diferentes cidades do país no primeiro semestre de 2017. A instituição inscreve interessados em participar das turmas de formação nas turmas de Sommelier de Cervejas, Tecnologia em Processos Cervejeiros, Beer Talk e Yeast Freaks. Também está programada uma viagem cervejeira pela Bélgica e pela Alemanha. Confira na imagem a grade do primeiro semestre (e, para consultar a agenda da Beer Art, clique em revistabeerart.com/eventos)

As aulas ocorrem geralmente nos finais de semana com duração variada dependendo do curso escolhido. As turmas são reduzidas, com no máximo 40 alunos, para facilitar a interação entre colegas e professores. As aulas compreendem história da cerveja, matérias-primas e processos, análise sensorial, bases de gastronomia e introdução à harmonização e também noções de outras bebidas como destilados, café e vinhos.

Amanda Reitenbach, fundadora do Science of Beer, explica:

“Nosso conteúdo é único e busca trazer novas experiências sensoriais ao aluno, através do contato com a gastronomia e também com outras bebidas. Esse contato é fundamental para qualquer pessoa que esteja buscando desenvolver o seu sensorial.”

O Sommelier de Cerveja tem carga horária de 80 horas/aula com aulas que mesclam teoria e prática. Um dos destaques do curso é a aula de harmonização com um chef cozinhando ao vivo em sala de aula para os alunos, enquanto o professor monta as melhores harmonizações.

A professora Carolina Oda, sommelier especialista em cerveja, destaca:

“Nessa aula, procuramos levar ao aluno novas experiências sensoriais, apresentando pratos mais elaborados, com ingredientes diferentes do que eles estão acostumados.”

O objetivo do Science of Beer é formar um sommelier de cerveja que chegue ao mercado "preparado para trabalhar de forma ética, capacitado para conhecer e avaliar os diferentes estilos de cerveja disponíveis no mercado, bem como identificar os atributos sensoriais, podendo atuar em diferentes segmentos, desde importadoras e distribuidoras até atendendo o cliente final em bares, restaurantes e lojas especializadas". O curso também é destinado a apreciadores que gostariam de aprimorar o conhecimento em cervejas especiais.

Tecnologia em processos cervejeiros

A novidade para 2017 é Tecnologia em Processos Cervejeiros, com o foco em aprofundar o conhecimento técnico em produção de cervejas dos apaixonados por cerveja que ja trabalham ou querem ingressar no mercado de trabalho.

Viagem de Estudos Cervejeiros

Para os apaixonados por viagens o novo serviço é a Viagem de Estudos Cervejeiros, que oferece aos amantes de cervejas a oportunidade de aprender sobre o tema por meio de uma viagem pela Bélgica e Alemanha.

“Este projeto vem sendo cuidadosamente planejado há um ano. A ideia foi unir a experiência do Science of Beer em ensino cervejeiro com o expertise de uma agência de turismo internacional para criar um roteiro exclusivo em que os participantes vão experienciar o melhor em termos de atrações cervejeiras nestes países. Outro ponto importante foi a escolha de guias e professores que entendem o mercado cervejeiro local, e que poderão transmitir o máximo de conhecimento aos viajantes”, conta Amanda Reitenbach.

O roteiro da viagem, em setembro de 2017 e com a duração de 16 ou 19 dias, inclui as cidades e atrações mais significativas do universo cervejeiro local. Os participantes aprenderão sobre história e características das escolas cervejeiras alemã e belga em aulas teóricas e técnicas, visitas guiadas, palestras exclusivas, degustações e eventos, sempre acompanhados de guias e professores com vivência, experiência e conhecimento sobre o tema e os países visitados.

Os viajantes visitarão as cidades de Bruxelas, Gent a Bruges na Bélgica, além de cervejarias trapistas e lambic no interior do país. Na Alemanha, o roteiro inclui Berlin, Leipzig, Bamberg e Baviera, e também visitas a uma maltaria e a uma fazenda de lúpulo. No último dia de viagem os participantes visitarão o maior evento de cerveja do mundo: a Oktoberfest em Munique. O projeto ainda inclui 2 dias extras opcionais na República Tcheca, com um roteiro que inclui visita à tradicional cervejaria Pilsner Urquell e uma inesquecível experiência em um beer spa.

“É uma ótima opção de viagem de férias para quem se interessa por cerveja e uma oportunidade única de aprender sobre a história, os estilos e as curiosidades da bebida nos dois países mais expressivos neste tema”, diz Amanda.


Serviço

Para mais informações e inscrições, o contato é via email info@scienceofbeer.com.br