CVC lança Rota Cervejeira do Rio

Operadora inclui nos pacotes nacionais destinos com crescente apelo

Passeios por cervejarias das cidades de Petrópolis (na foto, a Bohemia), Teresópolis e Nova Friburgo são atrações (Foto: Divulgação)

Passeios por cervejarias das cidades de Petrópolis (na foto, a Bohemia), Teresópolis e Nova Friburgo são atrações (Foto: Divulgação)

Em parceria com a Associação das Cervejarias e Cervejeiros do Estado do Rio de Janeiro (ACCERJ-TUR), a CVC vai colocar entre suas opções de circuitos nacionais a Rota Cervejeira RJ como um novo destino e que pode ser visitado em viagens de dois a três dias. A apresentação da Rota Cervejeira RJ como novo destino pela operadora será feita para gentes de viagens dos principais mercados emissores do sudeste e trade turístico das cidades que compõem a Rota, durante um coquetel neste sábado, 29 de outubro, no Centro de Convenções do empreendimento Granja Brasil, em Itaipava - Petrópolis. Os agentes, junto com equipes da CVC e da ACCERJ-Tur também farão visitas técnicas e degustações nas cervejarias da Rota. Para conhecer os atrativos da Rota Cervejeira RJ, leia mais abaixo, (para navegar pelo Portal das Cervejerias Brasileiras, clique aqui)

A Rota Cervejeira RJ vai disputar a preferência dos viajantes da CVC nos próximos meses, principalmente daqueles que amam a combinação de belezas naturais, história, gastronomia e o beer turismo. A Rota inclui inúmeros atrativos turísticos da Serra Fluminense, combinando visitas às cervejarias, fábricas, restaurantes e brewpubs .

O consultor Alexandre Zubaran, da ACCERJ-TUR, ressalta:

“Este é mais um passo importante para a Rota Cervejeira do Rio, que se mostra cada vez mais forte! Nas montanhas do Rio temos consagrados destinos turísticos, com grande diversidade cervejeira e gastronômica, e que agora, em parceria com a maior operadora do turismo nacional, terá a oportunidade de se consolidar como um dos principais roteiros turísticos do país.”

A Rota Cervejeira RJ foi criada em 2014 com o objetivo de fomentar o setor de cervejas artesanais e especiais da Serra do Rio e une grandes e pequenos produtores nas cidades de Petrópolis, Teresópolis, Nova Friburgo: Otten Brau, Cervejaria Bohemia, Cidade Imperial, Grupo Petrópolis, Ranz Bier, Cazzera, Cervejaria Real, BrewPoint e Vila St. Gallen.

A Rota oferece pacotes com roteiros que incluem atrações que vão de “beer experiences” nas grandes cervejarias, visitas às microcervejarias e atrativos turísticos destas cidades, até as e degustações harmonizadas em restaurantes que oferecem boa comida e contato com a natureza.

As cervejarias


Cervejaria Otten Brau, Petrópolis – A microcervejaria tem bar que produz e vende a própria cerveja no local e ainda oferece cursos de produção cervejeira com o mestre Rolf d’Ottenfels. Na carta de cervejas, os carros-chefes são os sete estilos da Buda Beer (Pilsen, Weiss, Indian Pale Ale, Red Ale, Vienna, Stout e Tripel).


Cervejaria Bohemia, Petrópolis – A Cervejaria Bohemia é o maior centro de experiência cervejeira do país. Situado nas antigas instalações da primeira cervejaria do Brasil, o local divide com o público todo o conhecimento do universo da cerveja.São mais de sete mil m² e 20 ambientes, que reúnem informações sobre o mundo da cerveja na gastronomia, na cultura, no comportamento, no bem-estar, no meio ambiente e no consumo responsável, tudo isso apresentado de forma interativa.


Cervejaria Cidade Imperial, Petrópolis – A cidade Imperial nasceu em 1997, em Petrópolis, e traz fortes influências desta região histórica. Fundada em 1943 pelo Imperador D. Pedro II, Petrópolis carrega não só a aura monárquica dos tempos imperiais, como também reúne fontes de água puríssima e perfeitas condições ambientais para o desenvolvimento de uma cerveja artesanal e majestosa. Produzida nos moldes das microcervejarias alemãs, a Cidade Imperial tem elaboração artesanal e rigorosa seleção de ingredientes importados da Alemanha. Tudo com puro malte e a mais pura água de Petrópolis.


Grupo Petrópolis, Petrópolis – o beer tour na fábrica em Itaipava é gratuito, oferecido de terça a sábado, e deve ser agendado com antecedência. Durante a visita monitorada, o turista conhece a produção das cervejas desta que é a primeira fábrica do Grupo Petrópolis, do descarregamento da matéria-prima ao envase. O passeio dura cerca de duas horas e é finalizado com degustações no Bar Petrópolis. Uma loja com produtos temáticos completa o programa.


Ranz Bier, Nova Friburgo – situada em Lumiar, a micro cervejaria oferece a Ranz Bier Witbier (clara, de alta fermentação, à base de trigo), a Ranz Bier Tarja Preta (dark Strong ale) e a Ranz Bier Brown Ale, entre outras, inclusive opções sazonais. Todas são produzidas com métodos artesanais e podem ser degustadas no restaurante ao ar livre da marca, ao lado da pracinha no centro da localidade. No local, também há uma loja da marca. Em breve, abrirá a fábrica para visitação.


Cervejaria Therezópolis, Teresópolis – a Villa St Gallen é um charmoso espaço de degustação e harmonização que atrai cervejeiros e amantes da gastronomia. As cervejas especiais da marca Therezópolis é o destaque entre os vários ambientes gastronômicos que a Villa oferece. Visitantes podem participar de uma visita guiada para conhecer a história da bebida mais antiga do mundo e seus diversos estilos, além de aprender com o mestre-cervejeiro como se produz uma verdadeira cerveja puro malte. Há também cursos de teoria e prática, com um dia de duração, com certificação para Cervejeiro Artesanal. Vale a pena também conferir se há programação musical para a data da visita.


Cervejaria Real, Petrópolis – A Cervejaria Real transformou um haras de cavalos puro sangue lusitano em uma estrutura completa de cervejaria. Localizada no distrito de Itaipava, a Real possui atualmente 30 mil metros quadrados de área verde, que permitem manter as características rústicas da cerveja e do local. As cervejas são elaboradas artesanalmente e produzidas em pequenas quantidades. A produção não é engarrafada e os tipos, que variam entre Red Ale, Weizenbier e IPA, ficam armazenados em barris de carvalho. A fabricação de cada tipo varia mensalmente.


Cervejaria BrewPoint, Petrópolis - A BrewPoint abriga seis marcas: Duzé, Imperatriz, da Corte, Rústika, Serra Velha e Saideira. As quatro primeiras já eram cervejarias ciganas - feitas em fábricas de terceiros - e as duas estão sendo produzidas em larga escala. As marcas que estão na BrewPoint são figurinhas fáceis da feira Deguste, que acontece sempre no segundo sábado do mês, em Petrópolis. A cervejaria fica na entrada de Petrópolis, a 500 metros da Pavelka e da Casa do Alemão, tradicionais pontos de parada de quem vem do Rio, e a 200 metros do Palácio Quitandinha. Em breve, a BrewPoint terá também um bar no bairro do Quitandinha.


Cervejaria Cazzera, Petrópolis - A Cazzera produz suas cervejas no distrito de Itaipava e surgiu como um hobby do proprietário Marcelus Fassano, que começou estudando e lendo livros sobre cervejas e depois foi para a prática, com amigos cervejeiros experientes. O que começou como cerveja de panela, hoje é produzido em fábrica da região. A cervejaria passou mais de um ano desenvolvendo a ‘Coisa Linda’, que é uma Dark Strong, e também fabrica uma IPA com o nome ‘Cheia de Graça’.


As atrações das cidades

A Rota Cervejeira do Rio de Janeiro inclui mais de 70 pontos cervejeiros em renomados restaurantes, bares, micros cervejarias, cervejeiros artesanais e brewpubs que oferecem opções para todos os gostos e estilos.

Além disso, Petrópolis, Teresópolis e Nova Friburgo têm paisagens exuberantes de Mata Atlântica preservada, protegidas em parques, praças e reservas naturais. São enormes áreas verdes que oferecem opções para os amantes de ecoturismo, como trilhas, escaladas, rapel, rafting, cachoeiras, piscinas naturais.


Petrópolis

Berço da Cerveja no Brasil, a cidade é sede de grandes produtores de cerveja e possui importantes centros de visitação, como a Cervejaria Bohemia, que proporciona um delicioso passeio pela história da Cerveja; a visita a poderosa linha de produção da fábrica do Grupo Petrópolis, em Itaipava; o brewpub da Cervejaria Otten Brau (Buda Beer), a Cervejaria BrewPoint, Cervejaria Cazzera, a Cervejaria Real, em Itaipava, que recebe os visitantes em um haras de cavalos puro sangue, transformado em Cervejaria, entre outras.

Construções históricas como o Museu Imperial, o Palácio Quitandinha e a Casa de Santos Dumont atraem tanto quanto as montanhas e suas trilhas, que levam a cachoeiras e grutas. A rede hoteleira é diversificada, bem como a gastronomia, que reúne de restaurantes premiados de Itaipava até ótimas opções do universo “botequeiro”.


Teresópolis

A Villa St Gallen da Cervejaria Therezópolis é um delicioso espaço de degustação que atrai cervejeiros e amantes da gastronomia. A cidade possui ainda outra imponente unidade do Grupo Petrópolis. A natureza oferece muito a ser visto, começando pelo Parque Nacional da Serra dos Órgãos, que também pode ser acessado a partir de outras cidades do roteiro. A entrada é pelo bairro Soberbo, que, com seu mirante, por si só já vale a visita. A Granja Comary, local de treinamento da seleção brasileira, é outra atração. O parque hoteleiro de Teresópolis possui de resort a pequenas pousadas.


Nova Friburgo

O destaque é para a Cervejaria Ranz Beer. A Serra e a Mata Atlântica predominam na paisagem. Um dos cartões-postais da cidade é a Pedra do Cão Sentado. O teleférico, com 1,5 km, a 1.300 metros de altura, é um dos maiores do país. Produtos típicos como chocolate e mel valem uma tarde de compras.


Serviço

  • O quê: lançamento do novo roteiro de viagem da CVC – Rota Cervejeira do Rio
  • Quando: 29 de outubro, às 21h
  • Onde: Centro de Convenções do empreendimento Granja Brasil – Itaipava – Petrópolis – RJ (Hotel Clarion)