DeBron Bier produz cervejas premiadas na Austrália

Linha Banguê é envelhecida em barris de carvalho e amburana

A base da linha Banguê é uma Imperial Stout (Foto: Divulgação)

A base da linha Banguê é uma Imperial Stout (Foto: Divulgação)

Um dos destaques brasileiros no Australian International Beer Awards 2017, a linha de cervejas Banguê, da cervejaria pernambucana DeBron Bier, está sendo produzida em um lote em edição limitada, a ser lançado no mercado em julho. São três rótulos, de Imperial Stouts envelhecidas em barris de Amburana e Carvalho: Banguê Amburana Aged, Banguê Cachaça Oak Aged e Banguê Barrel Aged.

“As cervejas envelhecidas em barris de madeira conseguem extrair novos sabores e aromas. O evelhecimento faz com que a bebida ganhe novas características”, observa Thomé Calmon, um dos sócios, ao lado de Eduardo Farias e Raimundo Dantas.

O carvalho e a amburana estão entre as madeiras mais utilizadas para as Barrel Aged. Quem determina qual o tipo e quanto tempo ela ficará exposta é o mestre-cervejeiro. Podendo variar entre quatro a três anos, o período em que ela ficará em contato com a madeira é determinante para o resultado.