Festival reúne cervejarias da Grande Florianópolis

Evento com entrada franca, em Canasvieiras, tem mais de um show ao vivo por dia

Marcas que fazem parte da rota turística Caminho Cervejeiro oferecem mais de 30 opções de cerveja no festival (Foto: Divulgação)

Marcas que fazem parte da rota turística Caminho Cervejeiro oferecem mais de 30 opções de cerveja no festival (Foto: Divulgação)

De 5 a 7 de janeiro, o Festival da Cerveja da Grande Florianópolis reúne no Centro de Eventos Luiz Henrique da Silveira, em Canasvieiras, na capital catarinense, cervejarias da região que fazem parte da rota turística Caminho Cervejeiro (para conhecer mais sobre as cervejarias catarinenses, clique aqui). Com entrada gratuita e um show ao vivo por dia, turistas e moradores poderão conhecer a diversidade de estilos que caracteriza os mais de 30 rótulos que serão vendidos ao público. A realização é da Ampe Metropolitana, União Cervejeira e Sebrae. (Para conferir mais opções de eventos, consulte a agenda da Beer Art, em revistabeerart.com/eventos)

As cervejarias Faixa Preta, Badenia, Cozalinda, Da Ilha, Jester, Kairós, Unika e Weinmann, que estarão no Festival da Cerveja, integram o recém-criado Caminho Cervejeiro, que tem como objetivo estimular a visita às unidades de produção e microcervejarias, com apreciação das cervejas locais, integração com gastronomia e outros atrativos turísticos da região. O Caminho Cervejeiro é uma iniciativa da União Cervejeira e Ampe Metropolitana, com apoio do Sebrae.

As microcervejarias participantes do Festival da Cerveja têm receitas próprias. Com qualidade e inovação, produzem vários estilos de cerveja, para agradar a todos os gostos. O público encontrará as cervejas que seguem a Lei de Pureza Alemã, as inspiradas no judô e no rock and roll, as irlandesas, que valorizam a tradição de Saint Patrick, as belgas, com características dos mosteiros, as manezinhas, que resgatam a tradição açoriana da região, além das cervejas e chopes de vanguarda e sazonais, que valorizam eventos e tradições de diversas regiões do mundo.


Ampe Metropolitana

A Ampe Metropolitana – Associação dos Empreendedores de Micro e Pequenas Empresas e dos Empreendedores Individuais da Região Metropolitana de Florianópolis, foi fundada em 9 de Abril de 2010. Atua para fortalecer o segmento no mercado, contribuindo para o aumento da competitividade e do desenvolvimento profissional e econômico da região. Com microcervejarias entre as empresas associadas, é uma das precursoras do Caminho Cervejeiro, ao lado da União Cervejeira e Sebrae, com quem mantém diversas parcerias.


União Cervejeira

Criada em 2014, a União Cervejeira tem como objetivo formar um importante polo do segmento na região, por meio da promoção da cultura cervejeira, em ações tanto para o consumidor local, quanto para o turista. A entidade realizou em 2015 e 2016 a Beer Week Grande Floripa, no Centro Multiuso de São José, com grande sucesso de público.

Conheça as cervejarias e os rótulos de cada uma no Festival da Cerveja:


Faixa Preta

Localizada em Santo Amaro da Imperatriz, a Faixa Preta é uma cervejaria que lembra suas origens por meio do slogan “Beba essa Arte”. Com uma produção disciplinada como a arte marcial na qual se inspira, segue uma regra: produzir uma cerveja faixa preta para um público exigente.

No Festival: Hajime - Pilsen, Grand Shihan - Weiss, Dragon Rock - Dunkel Weiss e Lord Dan - Dubbel.


Badenia

A Cervejaria Badenia, de Santo Amaro da Imperatriz, produz seus chopes com maltes e lúpulos especialmente selecionados e importados da Alemanha. Com as famosas águas da Serra do Tabuleiro, é produzida rigorosamente de acordo as regras da Lei da Pureza Alemã, de 1516.

No Festival: Munique Helles, Greifenbier Munique Dunkel e Greifenbier Badische Weisse (cerveja de trigo).


Cervejaria da Ilha

A Cervejaria da Ilha, da capital catarinense, é a mais antiga da Grande Florianópolis. Fundada em 1999, vem com esse espírito de pioneirismo apresentar ao público cervejas que representam o maior atrativo de Florianópolis: as suas belas praias.

No Festival: Joaquina Weizen, uma cerveja de trigo, refrescante como o mar da Joaca; a Ingleses Pale Ale (IPA) e o Chopp Ilhéu (Pilsen).


Cervejaria Cozalinda

A manezinha Cozalinda nasceu para brindar à Ilha da Magia, com cervejas tão artesanais quanto a renda de bilro e tão especiais quanto o pôr do sol do Sambaqui.

No Festival: com Floripa IPA e Curió Witbier.


Jester

A premiada Jester, de Águas Mornas, tem uma grande variedade de cervejas, de alta qualidade e feitas para atender aos mais diversos paladares.

No Festival: Pilsen (bronze no Festival Brasileiro de Cerveja de Blumenau, em 2015), APA, IPA e Flanders Red Ale (prata Festival Brasileiro de Cerveja de Blumenau, em 2016).


Kairós

A Cervejaria Kairós oferece uma diversidade de cores, aromas e sabores para encantar todos que gostam de usufruir produtos de padrão diferenciado. Seu principal foco é a exploração turística da cervejaria, localizada em uma mais belas cidades do mundo: Florianópolis. Suas cervejas e chopes remetem ao estilo de vida do povo local e à cultura da Ilha da Magia. A palavra Kairós não reflete o passado, ou antecede o futuro, mas é o melhor instante no presente.

No Festival: Kapital Cream Ale, Boitatá Dry Stout, IPAguaçu e Miramar Weiss. A Kairós fará promoções entre os participantes, que serão selecionados e levados de van para uma visita à fábrica, localizada a 5 minutos do local.


Unika Cervejaria

Situada em Rancho Queimado, região serrana da Grande Florianópolis, produz 12 tipos de cervejas, divididos entre duas marcas: BRUXA, dedicada a cervejas da escola belga, e UNIKA, das escolas alemã e americana. Sua produção segue os mais altos padrões de qualidade e é comandada pelos premiados cervejeiros Vinicius Carpentieri e Ronaldo Dutra Ferreira.

No Festival: Bruxa Belgian Blond, Bruxa Tripel, Bruxa Dubbel, Unika West Coast IPA, Unika Black IPA, Unika Coffee Black IPA, Unika German Lager, Unika Session IPA e Unika Double IPA.


Cervejaria Weinmann

Com receitas para orgulhar qualquer 'Oma', a cervejaria da família Weinmann, de São José, busca um sabor único e inconfundível. As cervejas são produzidas com 100% de malte, lúpulos de alta qualidade e carbonatação natural na garrafa, além de utilizarem sempre leveduras do tipo Ale, de alta fermentação.

No Festival: Pale Ale, Weiss, Smoked Ale e Red Strong Ale, elaborada com um blend de três maltes de cevada importados.


Serviço

  • O quê: Festival da Cerveja da Grande Florianópolis, com um show ao vivo por dia - evento anexo à MultiFeira de Verão
  • Quando: 5 a 7 de janeiro, das 17h à meia-noite
  • Onde: Centro de Eventos Luiz Henrique da Silveira -Canasvieiras - Florianópolis (SC)
  • Quanto: entrada franca