Cervejaria artesanal Blondine chega ao mercado chinês

A meta é da cervejaria de Itupeva/SP é exportar 50% da produção

  A empresa exporta a premium **Martina Lager** e negocia o envio também da Martina Witbier e da Martina IPA (Foto: Divulgação)

 A empresa exporta a premium **Martina Lager** e negocia o envio também da Martina Witbier e da Martina IPA (Foto: Divulgação)

Depois dos mercados nacional e norte-americano, a cervejaria artesanal Blondine chega ao mercado chinês, um dos maiores consumidores de bebidas premium e artesanais. A empresa exporta a premium Martina Lager e negocia o envio também da Martina Witbier e da Martina IPA. A marca, fundada em 2010, envia 70 contêineres de 40 pés ao ano, o equivalente a 2,8 milhões de garrafas. Embora complexa, a estratégia de exportar é interessante para as cervejarias artesanais, como explicou Ronaldo Morado, o autor do Larousse da Cerveja, em entrevista à Beer Art.

A cerveja artesanal de qualidade se tornou símbolo de status entre os consumidores da China. Marcas desse segmento premium movimentam cerca de US$ 80 bilhões, valor que supera até o mercado dos EUA. A meta é da Blondine é exportar 50% da produção da cervejaria, o que equivale a 250 mil litros mês.

Aloísio Xerfan, diretor geral da Blondine, comenta:

“Estamos fechando um plano de negócio com um grande importador no país, para que a Blondine tenha cobertura total em território chinês. O primeiro container já saiu e este mês sairão mais dois.”

Considerada uma das maiores cervejarias artesanais do Brasil, a Blondine utiliza em suas receitas insumos importados de países com tradição na produção cervejas, selecionados por uma equipe altamente capacitada e preocupada em levar aos consumidores um produto inovador e de alta qualidade. Localizada em Itupeva, interior de São Paulo, sua fábrica conta com moderno parque industrial, com capacidade de brasagem (processo de misturar o malte e a água) de 120 mil litros/mês.

Atualmente a marca conta com 20 produtos em sua linha, além de bebidas sazonais. Sempre preocupada em trazer novidades ao mercado, a Blondine se dedica à produção de novos rótulos, com lançamentos previstos para os próximos meses.

Especialista em criações e parcerias de sucesso, a marca valoriza seus rótulos unindo-se a grandes nomes do setor gastronomia, e acrescentando ingredientes que potencializam a qualidade e o sabor do produto. Tem em seu portfólio, por exemplo, cervejas com adição de café 100% arábica, e de frutas como amora, acerola, abacaxi e coco. Entre os rótulos da Blondine estão Bad Moose, Jackpot, Horny Pig e Blond Ale. Os mais recentes lançamentos são a Tropical e a Piva.