Concurso Brasileiro avalia mais de 2 mil cervejas

Trabalho envolve um júri internacional com quase 60 especialistas, em Blumenau

Julgamento das amostras vai até a véspera do Festival Brasileiro da Cerveja, onde as medalhas vão brilhar (Foto: Daniel Zimmermann/Divulgação)

Julgamento das amostras vai até a véspera do Festival Brasileiro da Cerveja, onde as medalhas vão brilhar (Foto: Daniel Zimmermann/Divulgação)

Principal competição cervejeira nacional, o Concurso Brasileiro de Cervejas 2017 começou a maratona de avaliação no sábado, 4 de março, quatro dias antes da abertura do Festival Brasileiro da Cerveja, onde as medalhas vão brilhar. Estão concorrendo 2.034 rótulos, um acréscimo de 38% com relação ao ano anterior. A avaliação envolve um júri internacional com quase 60 experts (para conferir as premiadas nas três edições anteriores, clique no ano: 2016, 2015 e 2014).

O trabalho segue no domingo, 5, e na segunda-feira, 6, com a previsão de ser finalizado à tarde. A cerimônia de premiação dos melhores rótulos ocorrerá na terça-feira, dia 7. Na noite seguinte se inicia o Festival.

O Concurso

Esta é a quinta edição do Concurso Brasileiro de Cervejas. Se compararmos aos anos anteriores o crescimento é ainda mais significativo. O número de amostras inscritas passou de 215 (2013), para 414 (2014), 874 (2015), 1.469 (2016) para 2.034 este ano. O número de cervejarias também aumentou significativamente em 2017.

Serão 332, um crescimento de 50% se compararmos com a edição de 2016. Com relação às quatro edições anteriores, o número de empresas inscritas passou de 42 em 2013, para 81 (2014), 136 (2015), 222 (2016) para 332 em 2017.

Para esta edição a novidade foi a inclusão de quatro subestilos na categoria Cerveja Brasileira. A categoria será separada por amostras que possuem adição de frutas, adição de ervas e especiarias, adição de madeiras e adição de ingredientes brasileiros como lúpulo, malte e levedura.

Para conferir como está o ranking das cervejas premiadas brasileiras, que reúne mais de uma dezena de concursos, clique aqui.