Goose Island Sisterhood e Think Olga lançam cerveja colaborativa

Conforme a parceria, 100% do lucro da Nísia será revertido a ONG

Brewhouse em São Paulo é o ponto de venda exclusivo das cervejas da iniciativa Sisterhood (Foto: Divulgação)

Brewhouse em São Paulo é o ponto de venda exclusivo das cervejas da iniciativa Sisterhood (Foto: Divulgação)

A Think Olga, ONG que se dedica à produção de conteúdo e espaço de discussão online "para a promoção do empoderamento feminino", será o próximo projeto apoiado pela confraria de mulheres Goose Island Sisterhood. As mulheres participantes das duas iniciativas criaram juntas a cerveja Nísia, que terá lucro 100% revertido para a ONG. A venda será feita exclusivamente na Goose Island Brewhouse em São Paulo.

Juliana de Faria, fundadora da ONG, destaca:

“Somos gratas às mulheres que vieram antes de nós e lutaram pelos nossos direitos. Nossa missão na Think Olga é o empoderamento feminino por meio da informação e educação de mulheres e essa foi a luta de Nísia por toda a vida.”

A homenageda desta edição será Nísia Floresta Brasileira Augusta. Em 1838, insatisfeita com a falta de acesso, a má qualidade e a perspectiva patriarcal do ensino para as meninas, criou no Rio de Janeiro uma escola exclusiva para elas. O nome foi escolhido por votação realizada no grupo do Facebook do projeto Goose Island Sisterhood.

Nísia (R$ 11,50/200ml, R$ 20/450ml e R$ 24/570ml) é uma bière de garde, com coloração âmbar, notas maltadas que lembram caramelo e especiarias, e que teve a adição de caju.

Beatriz Ruiz, gerente de conhecimento cervejeiro da Ambev e idealizadora da Goose Island Sisterhood, observa:

“Nísia era natural do Rio Grande do Norte, mas passou grande parte da vida na França. Misturamos essas duas referências ao escolher o estilo de cerveja, originário da França e Bélgica, com a adição do caju, fruto típico do estado onde ela nasceu e local que possui o maior cajueiro do mundo.”

Goose Island Sisterhood

O grupo, formado por representantes de entidades, ativistas, cevejeiras e mulheres diversas, se reúne periodicamente na Brewhouse desde o início do ano, localizada no Largo da Batata, região do bairro de Pinheiros em São Paulo. Durante os encontros, além de aprender sobre o universo cervejeiro, as participantes discutem sobre empoderamento feminino com o intuito de contribuir para o debate e transformação da atual situação de representatividade da mulher.

Um grupo no Facebook foi criado para receber todas as mulheres que se interessam em debater assuntos diversos e entender ainda mais sobre o universo cervejeiro.

A Think Olga

A Olga é uma ONG feminista criada em 2013, com o objetivo de empoderar mulheres por meio da informação. E tem feito isso por meio de campanhas como Chega de Fiu Fiu, #PrimeiroAssédio e Olga Esporte Clube, além de trabalhar com a mídia práticas de jornalismo humanizado por meio de manuais e artigos que educam o jornalista em prol de uma comunicação mais justa e representativa para todas as mulheres.


Serviço

  • O quê: Goose Island Brewhouse
  • Quando: 3ª a 6ª das 18h às 1h, sábado das 12h à 1h e domingo das 12h às 22h
  • Onde: Rua Baltazar Carrasco, 191 – Pinheiros, São Paulo/SP