Escola Superior de Cerveja e Malte abre curso de Sommelier na Argentina

País é o terceiro que recebe turmas da instituição com base em Blumenau/SC

 Escola Superior de Cerveja e Malte, com atuação em vários pontos do Brasil, também abriu unidade no Uruguai (Foto: Divulgação)

Escola Superior de Cerveja e Malte, com atuação em vários pontos do Brasil, também abriu unidade no Uruguai (Foto: Divulgação)

Em ascensão também nos países vizinhos, a cerveja artesanal levou uma instituição com sede em Blumenau (SC) a abrir na Argentina uma turma para formar beer sommeliers. A Escola Superior de Cerveja e Malte (ESCM) inicia em maio a primeira turma em Buenos Aires, capital argentina. Este é o terceiro país com atuação da instituição, que também tem uma filial no Uruguai.

Conforme a direção da ESCM, nos próximos dias o site oficial terá versão em espanhol. A turma já está confirmada graças à alta procura de alunos da região. As aulas começam em 18 de maio e vão até 23 de setembro.

Carlo Bressani, diretor da ESCM, destaca que a experiência no curso de Sommelier de Cervejas e o contato constante com entidades como a Doemens Akademie, faz com que a instituição chegue nestes países com diferenciais atrativos para os alunos:

“Este segmento já está criando oportunidades de mercado, gerando novas vagas e valorizando os profissionais que apostam e se preparam para ele. Temos certeza de que na Argentina não será diferente.”

Com 100 horas de aulas divididas em matérias teóricas e práticas – como análise sensorial, por exemplo – a formação em Sommelier de Cervejas da Escola Superior de Cerveja e Malte foi desenvolvida em parceria com a Doemens Akademie, da Alemanha. Ao finalizar os estudos, o aluno recebe dupla certificação.