Competições

Concurso Brasileiro de Cervejas estuda adotar software da Copa Cervezas de América

Coordenadora técnica da competição nacional conhece sistema ao integrar júri da Copa no Chile

Amanda Reitenbach, coordenadora técnica do Concurso realizado anualmente em Blumenau, é uma das juízas da Copa Cervezas de América, em Santiago do Chile (Foto: Divulgação)

Amanda Reitenbach, coordenadora técnica do Concurso realizado anualmente em Blumenau, é uma das juízas da Copa Cervezas de América, em Santiago do Chile (Foto: Divulgação)

Pelo segundo ano consecutivo, a Copa Cervezas de América utiliza um sistema online para registro da avaliação e notas dos juízes. O software agiliza o processo de avaliação e possibilita que os feedbacks cheguem aos participantes com maior qualidade e legibilidade. O sucesso da metodologia despertou o interesse de outras competições, como é o caso do Concurso Brasileiro de Cervejas, que estuda adotar o mesmo sistema na sua próxima edição, em 2017. A confirmação é da coordenadora técnica da competição brasileira e juíza na Copa, Amanda Reitenbach.

"Conheci a metodologia neste ano. A princípio senti um pouco de resistência, mas quando fiz as avaliações achei muito interessante. Estamos conversando com a organização da Copa para viabilizar isso no Concurso Brasileiro da Cerveja já no próximo ano”, destaca Amanda.

O sistema, empregado na competição em Santiago, no Chile, mescla opções objetivas e descritivas para registro das notas e impressões. Também conta com alertas que evitam erros ou esquecimentos no preenchimento das informações.

“Com esses recursos, conseguimos melhorar a agilidade de todos os processos do concurso”, acrescenta Amanda.

Para a utilização do sistema no Brasil serão necessários alguns ajustes técnicos porque, enquanto a Copa avalia as cervejas segundo o Beer Judge Certification Program (BJCP), o Concurso brasileiro, realizado anualmente em Blumenau (SC), segue o Brewers Association (BA). A edição 2016 do concurso, realizado em paralelo ao Festival Brasileiro da Cerveja, teve 874 rótulos inscritos, de 117 estilos. Foram distribuídas 226 medalhas (confira aqui a lista de cervejas premiadas).

O presidente da Copa Cervezas de América, Daniel Trivelli, ressalta:

"Queremos promover a colaboração entre os distintos concursos do continente. Acreditamos que a indústria cervejeira se beneficia com competições de boa qualidade. Temos muito interesse nessa parceria com o Concurso Brasileiro da Cerveja."

O Concurso Brasileiro de Cervejas será realizado de 4 a 8 de março de 2017, em Blumenau (SC).