Caipora volta às torneiras da Cervejaria Nacional

Em comemoração aos 500 anos da Lei de Pureza alemã, Rauchbier é relançada três anos depois

Rauchbier é um estilo que remete à prática da secagem do malte com fogo direto (Foto: Divulgação)

Rauchbier é um estilo que remete à prática da secagem do malte com fogo direto (Foto: Divulgação)

Nona sazonal produzida pela Cervejaria Nacional neste ano, a tradicional alemã Caipora será servida novamente na fábrica-bar, em São Paulo. Após ter sua primeira edição em 2013, a cerveja volta no dia 16 de maio com o mesmo caráter defumado e maltado, desta vez para celebrar a Lei da Pureza alemã, que completou 500 anos em 23 de abril, dia em que foi realizada a brassada da artesanal. Também conhecido como Reinheitsgebot, o decreto que tem origem na região da Baviera é uma tradição da Alemanha a favor do preparo da cerveja apenas com ingredientes específicos: água, malte e lúpulo. O fermento não era conhecido na época e foi incluído nesta lei mais tarde.

Para fazer jus à data que homenageia, a receita é uma Rauchbier Lager, estilo antigo que remete aos métodos de secagem do malte com fogo direto. A inspiração para o sabor e coloração vem da antiga cervejaria de Bamberg, Brauerei Spezial, que produz esse estilo de cerveja em uma versão mais clara que as outras.

A Caipora tem 18 IBU, 5,8% de teor alcoólico e foi feita somente com maltes e lúpulos alemães. De cor dourada intensa, o malte e o caramelo se destacam na bebida, mas o defumado fica em evidência, fazendo alusão à lenda que conta que caçadores usavam fumo de rolo para agradar ao personagem folclórico. Os 400 litros poderão ser degustados na Cervejaria Nacional em pints de 330 ml (R$ 18) e 570 ml (R$ 27), e a noite de lançamento tem sistema double até as 22h.