Cerveja

Blondine lança cerveja Tripel

A Tripel da Blondine é uma opção para os apreciadores de cerveja de guarda (Foto: Divulgação)

A Tripel da Blondine é uma opção para os apreciadores de cerveja de guarda (Foto: Divulgação)

Do estilo belga, é a primeira cerveja de rolha da marca de bebidas artesanais

Com seis anos de atividade em que se consolidou como uma criativa fábrica de bebidas artesanais, a Blondine acaba de ampliar a sua linha de cervejas. A novidade é a Blondine Tripel. Do estilo belga, é a primeira cerveja rolhada da marca. (Para conferir a ficha da cerveja, clique aqui).

 
 

Complexa, licorosa, a cerveja é resultado de "muito estudo e pesquisas", levando mais de 60 dias para ficar pronta. Seu sabor é adocicado, e seu aroma tem leve nota condimentada que remete a cravo, intenso frutado de uva passa branca, abacaxi de compota e damasco, suave floral e também a presença de candy sugar (açúcar belga usado especialmente em cervejas). No paladar as percepções são iguais às do aroma, dulçor presente das notas frutadas e condimentadas de leve picância com o corpo em perfeito equilíbrio. Ao final o álcool torna-se perceptível trazendo leve aquecimento. Uma cerveja para se tomar tranquilamente, apreciando cada sensação.

É uma opção para os apreciadores de cerveja de guarda. Conforme a Blondine, "basta armazená-la deitada por mais de um ano e pronto: quando aberta despertará sabores e aromas incríveis". A Blondine Tripel chega ao mercado na versão 375 mL, com preço sugerido de R$ 38. Com edição limitada, ela tem 8,9% de teor alcoólico e IBU 26 (índice de amargor).