Bauernfest contabiliza mais de 320 mil pessoas em 10 dias de festa

Último fim de semana ultrapassou em 98% a ocupação hoteleira na área central de Petrópolis

Festa do Colono Alemão em Petrópolis teve diferentes atrações e palcos (Foto: Divulgação)

Festa do Colono Alemão em Petrópolis teve diferentes atrações e palcos (Foto: Divulgação)

Mais de 320 mil pessoas viveram as tradições e a cultura germânica nos 10 dias da 28ª Bauernfest. Foram mais de 200 apresentações envolvendo cerca de mil artistas de grupos folclóricos, bandas musicais, marciais, corais, grupos teatrais e todos que garantiram a diversão nos palcos da Festa do Colono Alemão. A rede hoteleira também comemorou a ocupação de 98,29% neste último fim de semana do evento no Centro e arredores e 83,36% nos distritos. Na noite de sábado (1º de julho) para domingo (2 de julho), o último dia da festa, quase 100% dos leitos do primeiro distrito estavam ocupados. E a animação do público embalou o burgo alemão mesmo com a chuva e queda na temperatura. Confira aqui o especial sobre a Bauernfest 2017. (Para conferir mais opções de eventos, com agenda atualizada, consulte o roteiro da Beer Art)

Para os turistas, o frio e a chuva não desanimaram o último dia da Festa do Colono Alemão. Foi o que afirmou o casal carioca, Douglas Nogueira e Marília Gomes. Público já cativo da festa - ele pela segunda vez e ela desde 2004 - eles aproveitaram o friozinho do inverno para curtir o melhor da Bauernfest.

“A chuva atrapalhou um pouco, mas a gente coloca o chapéu, vamos animar e curtir a festa. Achamos a ideia de expandir a festa muito boa. Porque antes era muito cheio aqui e sufocava. Agora está mais confortável para aproveitarmos tudo da festa: a cerveja e toda a programação”, afirma Marília.

Concordam com o casal os também cariocas Wallace Rodrigues e Adriano Alex.

“Esse clima frio dá o charme. A festa é muito bacana, com pessoas bonitas e estamos gostando muito. Pena que acaba hoje. Mas, ano que vem com certeza estaremos aqui”, disseram os amigos, que visitavam a festa pela primeira vez.

A 28ª Bauernfest foi organizada e executada em parceria entre a TurisPetro e o Instituto Municipal de Cultura e Esportes. Nesta edição a festa contou com novidades, como a expansão para outros palcos oficiais – Praça da Liberdade, a Praça Visconde de Mauá com edição especial da Deguste e o Petropolitano F.C. -, além das iniciativas privadas que se inspiraram no evento e criaram espaços também influenciados pela cultura germânica. Acreditando no potencial do evento, o comércio do Centro e arredores também ganhou ares alemães durante o período da festa com decoração nas cores preta, vermelha e amarela.

O mais importante evento do calendário da cidade também foi responsável por garantir o aumento na ocupação hoteleira neste período. O segundo fim de semana do evento superou a ocupação em relação ao primeiro. No Centro e arredores, 98,29% dos leitos estavam ocupados, enquanto nos distritos 83,36% estavam com hóspedes. Entre sábado e domingo a ocupação foi ainda maior: 99,66% no Centro e 85,24% nos distritos. Já no primeiro fim de semana da festa o Centro e arredores registraram 96,35% dos leitos ocupados por turistas e os distritos 80,87%.

“Estamos consolidando os dados da festa. Mas já temos a certeza do sucesso desta edição da Bauernfest, pois tivemos o principal retorno que é a aprovação do público elogiando as novidades, a organização e toda a programação oferecida que já nos mostra esse resultado positivo. O comércio em geral, as lojas, restaurantes e os hotéis estavam lotados, comprovando como esse evento tem reflexo em toda a cidade. Uma injeção de mais de R$ 35 milhões na economia do município. Recebemos mais de 350 ônibus de turismo só nos dois fins de semana da festa. Então só temos a comemorar e já pensar na próxima edição”, destaca o secretário da TurisPetro.

A programação também contou com novidades, como a expansão de atrações para os outros palcos, os Jogos Germânicos que foram um sucesso e o Desfile de Luzes, que atraiu 2 mil pessoas na noite do Dia do Colono iluminando as ruas do Centro Histórico.

“Conseguimos unir a tradição e trazer também para esta edição algumas novidades que conquistaram o público e foram aprovadas por ele. Nossa dança folclórica brilhou mais uma vez, junto com as tradicionais bandas que divertem o público na festa. E tivemos diversas novidades, como o Desfile de Luzes. Uma atração muito simbólica na celebração da nossa colonização que superou nossa expectativa e teve grande adesão da população nessa comemoração que certamente já faz parte da Bauernfest”, comemorou o diretor-presidente do IMCE.

Os atrativos do município também comemoraram a visitação no período da Festa do Colono Alemão. O Museu Casa do Colono superou em 29,87% o público em relação ao ano passado. Nos 10 dias da festa foram 900 visitantes, enquanto no ano passado o atrativo recebeu 693 pessoas. Só no primeiro fim de semana da Bauernfest, o museu apresentou aumento de 333,33% na visitação. Foram 481 visitantes na casa, que em 2015 recebeu 111 pessoas.

O Museu Casa de Santos Dumont também recebeu número maior nesta edição da festa. Foram 7.018 visitantes nos 10 dias. Em 2016 o atrativo recebeu 6.781 visitantes.