Cervejaria Bäcker lança linha de destilados

Whisky Single Malt e gin com lúpulo caracterizam o novo momento da marca

 Os destilados produzidos pela marca mineira mantêm a ligacão com a cerveja (Foto: Gustavo Andrade/Divulgação)

Os destilados produzidos pela marca mineira mantêm a ligacão com a cerveja (Foto: Gustavo Andrade/Divulgação)

Uma das mais premiadas cervejarias independentes do Brasil, a Bäcker está expandindo a sua produção de bebidas para além da cerveja artesanal. No mercado desde 1998, a empresa de Belo Horizonte (MG) lança o seu primeiro Whisky Single Malt, denominado “Experience”, e um novo gin, com adição de lúpulos em sua receita.

Um whisky é uma bebida alcoólica destilada de grãos, muitas vezes incluindo malte, que foi envelhecida em barris. Segundo a legislação brasileira, sua graduação alcoólica tem teor de 38% a 54% de álcool etílico em volume, a uma temperatura de 20°C. A Bäcker está lançando um single malte frutado, leve e fresco, com notas aromáticas de pera e mel. Este primeiro lote terá entre 5 mil e 6 mil garrafas numeradas e será vendido nos principais pontos de venda da Bäcker, além do Templo Cervejeiro e do site da cervejaria.

 Um single malt frutado (Foto: Daniel Mansur/Divulgação)

Um single malt frutado (Foto: Daniel Mansur/Divulgação)

Paula Lebbos, diretora da Bäcker, destaca:

“É uma ousadia. Um novo momento para a Backer experimentar uma fatia de um setor que ainda não conhecíamos e tenho certeza que dará muito certo. Não estamos simplesmente fazendo destilados. Estamos produzindo destilados que contêm matéria-prima cervejeira. Isso é o essencial. O nosso single malte possui características próprias, pois é destilado em pequenas panelas de cobre e feito com malte e fermento cervejeiro. Este é o nosso segredo. É muito distinto do que se encontra e se conhece no mercado. Trazemos algo novo, jovem, para um público ousado que gosta de inovação, de experimentar coisas diferentes e se encantar com sabores e aromas diferenciados. São produtos que estamos pesquisando, estudando há alguns anos e hoje a expectativa é muito boa.”

Paula adianta que os frequentadores do Templo Cervejeiro da Bäcker poderão degustar o whisky em um ambiente e com serviço diferenciado, para conhecer todas as nuances e características da bebida. Ao pedir, o cliente receberá uma tábua de degustação com três taças. Uma com o destilado branco do malte, conhecido como spirit, que é um passo antes da bebida se tornar um whisky realmente, sem passar pela maturação em barris de carvalho. A segunda taça traz um whisky turfado. A turfa é um elemento utilizado na defumação do malte e também nos barris que maturam a bebida e Paula ressalta que é importante conhecer e entender seus sabores. E a terceirataça contém o single malte da Bäcker, puro e frutado.


A destilaria da Bäcker

Fotos: Gustavo Andrade/Divulgação


 

Gin ‘cervejeiro’

O gin, também grafado como gim, é uma bebida destilada à base de cereais que passa por um processo de infusão com zimbro e outras especiarias. É conhecido por ser uma bebida bastante aromática. Cada fabricante tem sua própria combinação de ingredientes - além do zimbro, obrigatório por lei. Os mais comumente usados são canela, cascas de frutas cítricas, sementes de coentro, pimenta-da-jamaica, raiz de alcaçuz, pimenta-do-reino, cássia e farinha de amêndoa, entre outros.

 Em referência ao lúpulo, traz a menção "Hop Dry Gin" (Foto: Daniel Mansur/Divulgação)

Em referência ao lúpulo, traz a menção "Hop Dry Gin" (Foto: Daniel Mansur/Divulgação)

A Bäcker pesquisou bastante sobre as possibilidades deste novo produto e a única conclusão possível foi se manter fiel às suas origens e usar como ingrediente chave de seu gin - nada mais, nada menos - que o lúpulo em sua composição.

“Somos uma cervejaria e está em nosso DNA e de todos os nossos produtos, o uso de ingredientes cervejeiros. Logo, nossa decisão óbvia foi a adição de lúpulo para dar as características herbais e florais de amargor e aroma que gostaríamos. Escolhemos um malte de cereais da melhor qualidade, bem neutro, para a produção de um gin neutro clássico para que o lúpulo se destacasse mesmo. Inovamos no mercado com a adição de lúpulo ao gin, dando a nossa cara e também oferecendo algo com essência cervejeira”, comenta Paula Lebbos.

Opção vegana

Outra novidade é o lançamento de uma edição limitada de sua primeira cerveja orgânica, vegana e sem glúten. O lançamento oficial será durante a Casa Cor 2018 (entre os dias 7 de agosto e 16 de setembro, no bairro Floresta). Todos os ingredientes são orgânicos – lúpulo, malte e fermento, além de ser glúten free (testada e avaliada). Segundo a diretora da Backer é uma edição especial e limitada ao evento e oferecida em garrafas long neck (355 ml).

“Na verdade, ela foi criada especialmente para a Casa Cor. Mas já adianto que, se ela tiver uma boa aceitação, podemos torná-la permanente na linha Backer”, complementa. “Estamos muito animados com essa nova vertente da Backer. Somos uma cervejaria que oferece ao mercado destilados com características cervejeiras. O início do processo de produção do meu whisky começa na panela, do mesmo jeito que uma cerveja. Aquele ‘mosto’ primário vai então para a destilaria para se transformar em whisky, mas a base é a mesma. Começamos a produzir em 2010, apenas para a família e, agora, vamos lançar nosso primeiro whisky e nosso primeiro gin. É um ótimo momento.”