Cerveja

A nova identidade da Cervejaria Horst&Biermann

Redesenho da linha de cervejas e abertura de brewpub marcam a profissionalização

Cervejas ganham nomes épicos e rótulos com fotografias de ação trabalhadas artisticamente (Foto: Divulgação)

Cervejas ganham nomes épicos e rótulos com fotografias de ação trabalhadas artisticamente (Foto: Divulgação)

Fruto da paixão de um casal por cervejas artesanais, a Horst&Biermann renova a sua identidade visual e a linha de produtos. Os proprietários, Carin Horst e Sandro Biermann, apresentaram em evento na noite de 24 de agosto, no Horst&BiermannBrew Pub, em Porto Alegre (RS), a nova logomarca e os rótulos e destacaram inovação nas receitas. Prestes a completar cinco anos, em outubro, a cervejaria tem distribuição em bares e empórios especializados em artesanais no Rio Grande do Sul.

"O mercado da cerveja artesanal vem numa crescente no Brasil, e isso exigiu a busca de um novo posicionamento", explica o casal, ao apresentar a linha renovada, com nomes com tom épicos: Big Machine (Helles), Adventurer (Weiss), Intrepid (Blond Ale), Pathfinder (IPA) e Fearless (Stout).

Sandro Biermann e Carin Horst (Foto: Divulgação)

Sandro Biermann e Carin Horst (Foto: Divulgação)

A Horst&Biermann espelha um movimento comum entre microcervejarias surgidas nos últimos anos no Brasil: o início é despertado pela paixão pelas artesanais, e chega o momento em que a esse sentimento se soma a profissionalização do negócio.

“Tudo começou no II Encontro Aberto da Acerva Gaúcha", lembra Sandro, que também desempenha o papel de cervejeiro. "A Horst&Biermann nasceu como devem nascer as paixões: de uma grande vontade.”

Além do reposicionamento da linha de cervejas, mais recentemente o casal inaugurou o brewpub (Rua Orleans, 255 - Prédio 2 – bairro Guarujá, Porto Alegre-RS).

"Nossa história começou envolvida por estas especiais garrafas, e nos levou a montar um negócio movidos pela paixão", acrescenta Carin. "Foi conhecendo lugares e também participando de eventos cervejeiros, que resolvemos investir em um sonho para que passasse a ser um espaço real para outros apreciadores de cerveja artesanal.”