Cerveja

Copa Cervezas de América revela resultado nesta quarta

Foram avaliados mais de 600 rótulos em três dias (Foto: Sarah Buogo / Revista Beer Art)

Foram avaliados mais de 600 rótulos em três dias (Foto: Sarah Buogo / Revista Beer Art)

Enviada Especial ao Chile explica como é a mecânica de julgamento do concurso

SARAH BUOGO
Santiago/Chile

Chegaram ao final as avaliações da 4ª Copa Cervezas de América, realizada em Santiago do Chile. Os 24 quatro juízes que participaram em 2015 julgaram cerca de 70 cervejas cada um, de diferentes estilos, em três dias de intenso trabalho. Os premiados com medalhas de ouro, prata e bronze, além dos destaques em cada categoria e os títulos de melhor cerveja e cervejaria, serão conhecidos na noite desta quarta-feira (26/8), a partir das 20h, na cerimônia de premiação.

A dinâmica dos julgamentos dividiu os juízes em oito mesas. Cada mesa teve um coordenador, e a avaliação foi realizada em duas etapas. Na primeira, as cervejas foram avaliadas de forma individual e secreta. Na segunda parte, os juízes de cada mesa deliberaram e modularam a pontuação e os comentários, refinando o feedback de cada cerveja. Isso porque a pontuação de cada cerveja em uma mesma mesa não pode ter uma diferença entre os juízes superior a 7.

As cervejas mais bem pontuadas vão receber medalhas e disputam títulos maiores como a cerveja e a cervejaria destaque. O Brasil figura entre os favoritos com a expectativa de superar o número de medalhas do ano passado. Foram 30 ao total (6 ouros, 6 pratas, 18 bronzes) e o prêmio de melhor cerveja com a Saison de Caju, da Tupiniquim, de Porto Alegre (RS).