O polêmico rótulo da cerveja Gandhi-Bot

Fabricante pediu desculpas pelo uso da imagem de um robô de Mahatma Gandhi

De acordo com a empresa a Gandhi-Bot é uma ajuda ideal para auto-purificação e busca da verdade e do amor (Foto: Divulgação)

De acordo com a empresa a Gandhi-Bot é uma ajuda ideal para auto-purificação e busca da verdade e do amor (Foto: Divulgação)

Produzida pela norte-americana New England Brewing Company's, a cerveja Gandhi-Bot foi recentemente alvo de polêmica. Isso porque seu rótulo traz a imagem de Mahatma Gandhi como um robô. Após saber de uma petição apresentada em um tribunal indiano dizendo que a cerveja tinha "insultado" o líder, a cervejaria pediu desculpas publicamente. As informações são do BBC News, para ler a matéria original clique aqui.

"Pedimos desculpas se o bom povo da Índia entender a nossa Gandhi-Bot como ofensivo. Nossa intenção não é ofender ninguém, mas sim homenagear e celebrar um grande homem que respeitamos muito", afirma Matt Westfall, cervejeiro e um dos sócios da empresa, em e-mail enviado para a agência de notícias Press Trust of India.

Apesar das desculpas a empresa não deu nenhuma indicação de que retiraria a cerveja do mercado. Em seu site, descreveu a India Pale Ale como uma "ajuda ideal para auto-purificação e busca da verdade e do amor".

O advogado que entrou com uma petição no tribunal na cidade indiana de Hyderabad, alega que a imagem de Gandhi em latas de álcool é "condenável" e punível nos termos das leis indianas. O estadista Indo-americano Rajan Zed disse em um comunicado que o "ícone da paz" Mahatma Gandhi abominava beber e que a venda de uma cerveja com o seu nome foi "altamente prejudicial para o seu legado" e feriu os sentimentos dos indo-americanos e indianos.

Gandhi liderou uma resistência não violenta contra o domínio britânico na Índia e foi assassinado em janeiro de 1948, meses depois que o país alcançou a independência.

 

Compartilhe esta notícia: clique no botão Share (abaixo)