Agência digital celebra seu nascimento com uma cerveja própria

Em mais uma mostra da afinidade entre o digital e o artesanal, a recém-criada Agência Cordilheira veio ao mundo batizada com uma cerveja. Veja a experiência, contada por um dos criadores da agência, Alexandre de Santi:

"Conteúdo digital e lúpulos frutados", como slogan da bebida (Foto: Divulgação)

"Conteúdo digital e lúpulos frutados", como slogan da bebida (Foto: Divulgação)

A Vienna Ale da Cordilheira

Queríamos mais do que uma cerveja para marcar o lançamento da agência. Queríamos contar uma história nossa através de um agrado para amigos e clientes. Porque, para nós, conteúdo é isso: narrativas que engajam pessoas dentro e fora do mundo digital e que estão em todo lugar, até nas cervejas.

Pedimos aos amigos da Cerveja Polvo Loco uma receita que fosse um encontro de duas tradições distantes que, somadas, criassem algo diferente e delicioso. Exatamente como a união da propaganda com o jornalismo, a nossa proposta para conteúdo digital com relevo. O resultado foi a impecável Vienna Ale, uma mistura do tradicional malte belga com os ousados lúpulos americanos.

A Cordilheira nasceu no final de 2013 como resultado das experiências da Fronteira e da Arquiélago 46 no mundo digital. Desde 2012, a Fronteira, uma agência de jornalismo e projetos de conteúdo, vinha sendo requisitada por marcas e agências de propaganda para criar histórias que abastecessem canais corporativos, como blogs e fanpages (a página da Olympikus no Facebook foi o primeiro cliente). Mas a tradição da Fronteira vinha do jornalismo, área de atuação dos sócios Alexandre de Santi e Sílvia Lisboa, produzindo pricipalmente reportagens para revistas de circulação nacional, e logo sentimos que poderíamos melhorar o nosso conteúdo voltado para marcas se rumássemos para a especialização neste segmento.

Ao mesmo tempo, a Arquipélago surgia como uma proposta parecida com a da Fronteira, mas no mundo da propaganda: ser uma espécie de hub de trabalhos por demanda, contratando designers, webmasters e redatores para executar uma variada gama de serviços de publicidade, de logotipos a sites completos. Tudo sempre a cargo da principal ilha desse arquipélago, o Vicente Veras, um profissional com mais de 12 anos de experiência na área de atendimento.

A produção da Vienna Ale da Agência Cordilheira foi encomendada à Cerveja Polvo Loco (Foto: Divulgação)

A produção da Vienna Ale da Agência Cordilheira foi encomendada à Cerveja Polvo Loco (Foto: Divulgação)

A parceria foi sendo construída aos poucos. A Fronteira sentia a necessidade de atender os clientes com a qualidade que somente alguém da área de atendimento sabe fazer. E a Arquipélago começou a fazer esse meio de campo entre a produção de conteúdo e os clientes. Deu tão certo, que sentimos que havíamos criado um novo campo de atuação para nós, um cruzamento entre a relevância do jornalismo e o acabamento da publicidade. Foi assim que a Fronteira e a Arquipélago se tornaram sócias da Cordilheira.

Para marcar esse nascimento, sentimos que não podíamos buscar uma fórmula pronta. O brinde de lançamento da empresa tinha que refletir um espírito que estamos buscando: uma receita original para produzir conteúdo digital que é ao mesmo tempo interessante para marcas e leitores, sem esquecer das boas sacadas que a propaganda sempre injetou no mercado de comunicação. Os amigos da Polvo Loco abraçaram o desafio e saíram atrás de uma receita pouco comum para a nossa cerveja, algo que unisse dois mundos. E cumpriram o briefing com maestria. A Vienna Ale mistura o malte belga, aquele mesmo utilizado em monastérios cervejeiros há séculos, e os lúpulos cada vez mais experimentais das cervejarias artesanais dos Estados Unidos, responsáveis por uma revolução no mercado internacional.

Antes de ser engarrafada, a nossa Vienna Ale ficou 30 dias maturando. Esse processo ajudou a dar um belo teor de álcool nela, cerca de 7%. A cor acobreada, com uma espuma espessa, ficou muito bonita. E, apesar do aspecto forte e do teor alcoólico considerável, é uma cerveja gostosa de beber.

Traduziu bem perfeitamente o que queríamos passar com a Cordilheira: estamos de portas abertas para receber clientes que entendam que é possível brindar o público com conteúdo forte, consistente, mas sem perder a leveza.

Para saber mais da Cordilheira, esta é a fanpage: https://www.facebook.com/agenciacordilheira