As cervejas mais bizarras do mundo

Às vezes, o marketing ultrapassa os limites, como mostram estes exemplos reunidos pelo blog de Design da Beer Art

Diversas cervejarias começaram lançando sabores novos e muito exóticos. Com um aumento expressivo na criação de cervejarias, muitas marcas apostam na irreverência e criatividade para surpreender e conquistar clientes. Às vezes, o marketing ultrapassa os limites para atingir um determinado público. Separei aqui algumas cervejas em que os cervejeiros não tiveram limites. Confira abaixo, neste post do Blog de Design da Beer Art, as mais bizarras do mundo:


La Dragonne – A cerveja quente

 La Dragonne, a cerveja que pode ser aquecida no fogão ou no micro-ondas (Foto: Divulgação)

La Dragonne, a cerveja que pode ser aquecida no fogão ou no micro-ondas (Foto: Divulgação)

 

Para nós brasileiros isso pode soar estranho, mas existe uma cerveja que pode ser aquecida no fogão ou no micro-ondas. Devido a sua fórmula, a bebida parece muito mais um chá quente do que uma cerveja, graças aos ingredientes como o mel, a noz-moscada, o cravo e o mel. Na Suíça é uma cerveja admirada, além de ser considerada uma solução para o seu frio diário.


Hemp Ale – A cerveja de maconha

 A Hemp Ale contém sementes de maconha em sua composição (Foto: Divulgação)

A Hemp Ale contém sementes de maconha em sua composição (Foto: Divulgação)

 

Essa cerveja realmente deixa os cervejeiros loucos. Existem diversas marcas que fabricam cervejas com maconha, como a americana Nectar Ale, fabricante da Hemp Ale, cerveja que tem sementes de maconha em sua composição. Apesar de utilizar a planta como um dos ingredientes, sua fabricação não é ilegal. No entanto, a cerveja não pode ser vendida em qualquer estabelecimento, e o seu processo de produção deve seguir rígidas normas.


Mamma Mia Pizza Beer – A cerveja de pizza

 Uma cerveja 2 em 1: a Mamma Mia! Pizza Beer (Foto: Divulgação)

Uma cerveja 2 em 1: a Mamma Mia! Pizza Beer (Foto: Divulgação)

 

Comer uma pizza bebendo cerveja é algo que todos adoramos. Sabendo disso, alguém decidiu criar uma cerveja com sabor de pizza! A Mamma Mia, fabricada nos EUA, leva em sua composição ingredientes como farinha, molho de tomate, alho, orégano, manjericão e outros que compõe uma pizza de verdade.


Royal Virility Performance – A cerveja de Viagra

 Cerveja escocesa com Viagra em sua composição tentou inspirar príncipe (Foto: Divulgação)

Cerveja escocesa com Viagra em sua composição tentou inspirar príncipe (Foto: Divulgação)

 

Essa cerveja escocesa tem Viagra em sua composição. Com produção limitada a apenas 1.000 garrafas de 330 ml, a cerveja também contém afrodisíacos naturais como ervas e chocolate. Foi feita em homenagem ao casamento do Príncipe William e Kate Middleton. A ideia era de entregar a cerveja ao casal, para que tudo estivesse em ordem na noite de núpcias. No rótulo há algumas frases como: “Levante Príncipe Willy” e “Comemore como o Grande Willy”.


Original Pussy Beer – A cerveja de Vagina

 A Original Puzzy Beer tem em sua fórmula "fermento vaginal" (Foto: Divulgação)

A Original Puzzy Beer tem em sua fórmula "fermento vaginal" (Foto: Divulgação)

 

Em uma exposição no ano de 2005, a artista tailandesa Toi Sennhauser homenageou suas ancestrais femininas que teriam inventado a cerveja, entre 7000 e 4000 anos a.C. A cerveja traz em sua fórmula o “fermento vaginal”. Segundo ela, um ingrediente chave para o sustento básico da humanidade. A cerveja é realmente afrodisíaca e chama a atenção dos consumidores por ter esse ingrediente exótico.


Mikkeller Beer – A cerveja de coco de gambá

 Um desafio para os "gambás": experimentar esta cerveja da Mikkelller (Foto: Divulgação)

Um desafio para os "gambás": experimentar esta cerveja da Mikkelller (Foto: Divulgação)

 

Para aqueles que já experimentaram todos os tipos de cerveja, vai um desafio: a cerveja da dinamarquesa Mikkeller produzida com as mesmas substâncias do Kopi Luwak, o Café Civeta, produzido com grãos de café extraídos das fezes de gambá. Acredita-se que o sabor seja afrodisíaco por derivar da alimentação limitada do animal.

É claro que existem outras cervejas consideradas exóticas, com algum ingrediente “maluco”. Agora fica a curiosidade para saber qual será a próxima. Levando em consideração os sabores acima, podemos dizer que os cervejeiros não estão brincando ao dizer que querem se destacar no mercado atual. E você? Já experimentou alguma das cervejas ditas acima? E qual a cerveja mais bizarra que tu já tomou? Conta pra nós a tua experiência.

Leia mais posts sobre design de cerveja aqui